Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VIVER ÁS ESCURAS

Hoje vi no noticiário uma reportagem sobre os cegos em Portugal. É impossível ficar indiferente á coragem e determinação de tantas destas pessoas que para mim são um grande exemplo.
Ás vezes permito-me ficar triste, derrotada por ter sofrido um desgosto de amor, por os meus sonhos terem sido desfeitos, as minhas esperanças perdidas. Mas que direito tenho eu de me atrever sequer a pensar isso quando me deparo com uma jovem mãe cega desde os 5 anos de idade, e aos 30 anos cuida da sua bébé sózinha. Como posso ousar ter sonhos desfeitos perante uma mãe que nunca viu o rostinho da sua filha?
Um outro senhor, que cegou derivado a uma doença e estudou fisioterapia, montou a sua clínica e trata muitas pessoas todos os dias com muito carinho e paciência.
Provávelmente quando cegou muitas das suas esperanças na vida foram perdidas, no entanto ergueu-se e seguiu em frente com coragem.Que exemplo para mim!
Perante isto só posso dizer : perdoai-me meu Pai porque ás vezes não sei o que digo , nem o que sinto....

IsabelCosta
Enviado por IsabelCosta em 08/10/2005
Código do texto: T57884
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
IsabelCosta
Portugal, 53 anos
24 textos (2220 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 12:43)