Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OS Sete Pecados Capitais I

 

A AVAREZA

 

Apego demasiado e sórdido ao dinheiro.

Mesquinhez, sovinice. Ciúme

 

Ele era um homem tão ávaro, tão apegado a valores materiais, que nem mesmo com ele era capaz de gastar um centavo.

Nunca se casou, para não ter que dividir seus bens, que havia acumulado ao longo de sua pobre vida, com uma mulher ou mesmo com filhos, 
que pudesse vir a ter um dia.

Quem o via, pelas ruas da cidade, jurava que se tratava de uma pessoa muito humilde, 
sem nenhuma posse.

Um pobre coitado, quase molambento, digno de dó.

Passou a vida inteira, trabalhando para amealhar riquezas e jamais teve a coragem, de dar-se, sequer, um presente, uma roupa e sapatos 
de melhor qualidade.

Tinha a única e exclusiva preocupação de guardar todo centavo que entrava em sua carteira. 
Não gastava nem com comida.

Almoçava no trabalho e levava dois pãezinhos 
para jantar em casa, à noite.

Não se utilizava de Bancos, porque acreditava 
que Banqueiros eram ladrões 
(nisso ele estava certo) !
E que iriam ficar com todo o seu dinheiro.

Guardava-o em casa, bem escondido, em uma sala fechada a sete chaves, que construiu, exclusivamente, para que ninguém tivesse 
acesso a sua fortuna.

Nunca teve um amor.

Não deu e nem recebeu carinho de ninguém!

Todas as noites, antes de dormir, na mais completa

solidão, ia até a sala do segredo, olhava por horas,

todo aquele dinheiro, e ia dormir feliz!
Graças a Deus!

Ninguém conseguiu descobrir onde ele guardava aquele tesouro!

Os anos se passaram!

Ele, na mais completa solidão e o dinheiro, só aumentando de volume, na sala, 
muito bem lacrada!

Um dia, ele não apareceu na Serralheria, 
da qual era um dos Sócios apesar de não confiar
em ninguém, com medo de que lhe roubassem.

Dois dias... e nada!

Era muito estranho, partindo de alguém que, 
aos 70 anos de idade,
jamais havia faltado, um dia sequer, ao trabalho.

Após uma semana, foram procurá-lo em casa, receosos, pois sabiam de suas várias manias e, 
uma delas, era não receber visitas.

Ninguém atendeu à porta.

Chamaram a Polícia e a arrombaram!

Ele estava estirado em uma sala, um fedor insuportável, deitado em cima de um monte de
notas velhas, 
que não valiam quase nada,
pois a moeda brasileira havia sofrido

várias desvalorizações, ao longo do tempo...

Mortinho da Silva!

 

Milla Pereira
***

Coletânea de Artigos: Série: Os 7 Pecados Capitais

 

Milla Pereira
Enviado por Milla Pereira em 18/09/2007
Reeditado em 20/09/2007
Código do texto: T658576

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Milla Pereira (http://www.millapereira.prosaeverso.net/)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Milla Pereira
São Paulo - São Paulo - Brasil
2954 textos (493958 leituras)
42 áudios (7884 audições)
14 e-livros (6401 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 00:52)
Milla Pereira