Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

escritores

O que somos?
Para que servimos?
Oh, céus! Não somos nada.
Somos apenas amantes das letras
Uns com tendências ao Romantismo.
Outros com tendência ao Arcadismo.
Deus, diz-me o que faço por aqui!
Meu filho, tu és o ser renegado.
Filho, tu sois ser de mente alada.
Que ao imaginar estar comigo reza.
Ao rezar alcança o sublime...
Tu sois parte daquilo que entreguei aos homens.
Eu sou todo amor e bondade.
Não castigo os pecadores, eles é que castigam a si
Filho tu não é nada.
Filho és apenas amante do Falar, Amar...
Sois apenas amante do curto tempo que lhe dei.
Tu és um simples mortal.
Veio ao mundo somente para:
Servir, Amar e se possível ensinar.
Bondade, Caridade e Gratidão são apenas esses os princípios da vida.
Ajam conforme vossas conciencias, Meus filhos.
Pois somente serás julgadosegundovossas cabeças.
Essa que têns em cima do pescoço
Façam uso da cachola. E a sabedoria surgirá.
Para assim seguir. Até a vida eterna.
Andre Luiz
Enviado por Andre Luiz em 18/11/2005
Reeditado em 24/11/2005
Código do texto: T73034
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Andre Luiz
Samambaia - Distrito Federal - Brasil
9 textos (546 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 18:40)