Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

" SOU BRASILEIRO "


Certas coisas são muito engraçadas, vejo todos os dias pessoas reclamando da situação em que estão, da situação do nosso Pais e de nossa gente.
Todos falam mas bem poucos fazem alguma coisa, apesar de todo o modernismo que dispomos não há comunicação, e muito menos o aproveitamento desses mecanismos para tentar mudar alguma coisa.
As pessoas ainda falam veladamente, reclamam em segredo não tem a coragem de falar abertamente.
Não sabem que temos liberdade (DIREITO) de expressão, e se sabem não o usam preferem ficar encima do muro, esperando que um novo Tiradentes apareça.
Quando todos vão acordar para a realidade?
Quando vão mostrar a cara e fazer valer os nossos direitos?
Nós o povo temos os mecanismos para fazer valer nossos direitos de uma forma pacifica, sem brigas sem guerras, temos uma "arma" poderosa e não nos apercebemos dela.
Temos a nossa consciência, a palavra escrita e falada, e não ás usamos.
Escrevi e postei alguns textos sobre nossa terra, nossa gente e nossos direitos, houve a leitura de muitos, mas poucos foram os que se expressaram.
Será que eu não fiz entender?
Será não sabem escrever?
Será que não sabem ler ou não sabem entender um texto?
Será que ainda pensam que não temos direitos?
De que têm medo?
É engraçado, muitos os leram poucos escreveram mas todos reclamam, mas não têm a coragem de usar o seu direito de expressão.
Não sabem que somos um pais livre?
Nada tenho contra nosso Presidente, ao contrario ele foi um dos que teve a ousadia de gritar abertamente o que nosso povo queria, organizou movimentos que surtiram efeitos.
Embora a situação de nossa terra ainda esteja ruim, porém algo aprendemos com ele, aprendemos que:
" O povo é a força da nação, e que sem o povo não existe nação."
Não sou anarquista nem terrorista, sou somente alguém que quer ver nossa terra voltar a ser nossa!
Quero ver nossa gente ter orgulho de dizer :

" SOU BRASILEIRO "

Espero que eu tenha me feito entender, e que você que me lê tenha a consciência de meditar e expressar seus pareceres **diga-se seus direitos**( palavras de meu sobrinho que está ao meu lado e tem somente 12 anos, uma criança mas que já sabe o que é bom para nossa gente)

SE VOCÊ DEIXARÁ RESGISTRADO OU NÃO O SEU PARECER, NÃO ME IMPORTA FICA EM SUA CONSCIÊNCIA.
EU FIZ O QUE A MINHA CONSCIÊNCIA MANDOU.

***

ÐäMå Ðë ÑëG®ö

Apenas uma mulher que já riu, amou, se entregou e chorou.
Escrevo o que sinto, como sinto quando sinto.
Longe, muito longe de ser uma poetisa sou apenas alguém que sente!

***

Beijos
Dama De Negro
Enviado por Dama De Negro em 23/11/2005
Reeditado em 31/05/2012
Código do texto: T75417

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dama De Negro
São Paulo - São Paulo - Brasil
1890 textos (146143 leituras)
2 e-livros (329 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 22:38)
Dama De Negro