Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quase biografia

QUASE BIOGRAFIA

Lu Moraes
Nasceu no sítio São Sebastião
Cabeceira-grande, Barcarena-PA
Viveu toda sua infância
Fazendo canoas, fisgas e arapucas
Seu pai o ensinou a pescar
Sua mãe, a costurar; descosturou
Seu avô tentou consertar as coisas
Não conseguiu
Aos dez anos aprendeu a ler
E proclamou: INDEPENDÊNCIA OU SORTE
Deu sorte: Passou no vestibular
E continuou fazendo besteira
Escreveu trezentos poemas dos quais
Vinte são ruins, oitenta não prestam
Duzentos, sem comentários
Plantou melancia, nasceu abacaxi
Pensou em suicídio, desistiu
Resolveu plantar bambu
Que só floresce aos cincoenta
E frutifica lá pelos noventa

Está na cara:
Não vai ficar
Para a colheita.


Lu moraes
Enviado por Lu moraes em 02/09/2007
Código do texto: T634980

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lu moraes
Abaetetuba - Pará - Brasil, 45 anos
57 textos (2792 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 15:28)
Lu moraes