Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

HOMENAGEM PARA SILVIA ARÚJO MOTTA (9)

De: LUIZ CARLOS ABRITTA
Presidente da Academia
Municipalista de Letras
Presidente Estadual da UBT.

Para:  SILVIA DE LOURDES ARAÚJO MOTTA

SÍLVIA DE LOURDES ARAÚJO MOTTA é uma guerreira.
Não na acepção de belicosa, mas em uma daquelas mencionadas no “Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa”, ou seja, “aquele(aquela) que se empenha intensamente para conseguir o que quer; batalhador, lutador”.

Desde muito cedo, Sílvia dedicou-se á sua vocação primeira - o magistério. E o fez de forma brilhante, destacando-se sempre por suas iniciativas de levar á juventude o conhecimento da língua pátria, mormente da língua literária.

A par disso, sua capacidade multiforme se espraia por campos diversos, destacando-se a música, as trovas, as atividades nos Clubes de Serviço e nas Academias de Letras e, quejandos.
Agora, lança seu livro VERSOS E CARVERSOS SAZONADOS”, no qual fala ao leitor com seu coração de poetisa.

Criou o neologismo “Carversos” , ou seja carta em versos, à moda de Cartrova” carta em trovas.

Várias personalidades são homenageadas por ela, principalmente em acrósticos, porque  Sílvia coloca, acima de tudo, a lhaneja de trato como um traço fundamental de sua personaliddae.

Assim é que desfilam pelas páginas de seu livro Guaracy Nogueira, Iracema Baccarini, Conceição Parreiras Abritta, Juscelino Kubitschek de Oliveira, Alberto Barroca e outros.
“A poesia é o autêntico real absoluto; quanto mais poético, mais verdadeiro”, já nos dizia Novalis, trazendo-nos, com sua obra, momentos de contemplação, de alegria, de reflexão.

Belo Horizonte, agosto de 2003.

---***---
Silvia Araujo Motta
Enviado por Silvia Araujo Motta em 24/11/2005
Código do texto: T75891
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Silvia Araujo Motta
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 65 anos
6555 textos (668659 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualizaçăo em 02/12/16 20:26)
Silvia Araujo Motta