Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meu amor

No silencio da noite onde o sol já não brilha somente o luar para clarear as trevas e o meu caminho, fico a perguntar-me sobre a nossa vida.
Cá estou entre quatro paredes do meu quarto pensando em nos e onde está neste momento, porque me deixa tão só? E pensar que te amo tanto e neste momento não poder estar juntos, você sabe que se fosse possível não te deixaria um só segundo, mas também sei que é impossível estarmos o tempo todo juntos.
Fico aqui a pensar em nosso futuro e quase enlouqueço só em pensar que talvez um dia possamos estar distante e não sentir mais seus lábios sobre os meus... Ou a delicadeza de suas mãos em um toque quase mágico em meu corpo... É de enlouquecer mesmo meu amor.
E neste momento a única coisa que sei é que te amo demais e às vezes tenho medo que diga que não me ama mais sinceramente não saberia o que fazer sem você na minha vida.
Quando estamos juntos e teu pensamente fica distante vem o ciúme e tenho medo de perdê-lo. Se algum dia você deixar-me por alguém que você ame mais que eu, por favor, fale-me eu saberei compreende-lo, o meu amor por você é um amor puro sem vinganças e é assim que precisa ser pois mesmo te amando tanto saberei perdê-lo e também porque és livre para decidir a sua vida e  dirigir seus sentimentos a quem o desejar.
Meu amor eu só quero e preciso te dizer que você é para mim o meu presente e o meu futuro, mas... Se não quiser ser o futuro seja somente o presente que é o bastante por ora...



ângela lugo
Enviado por ângela lugo em 25/05/2006
Código do texto: T162453

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ângela lugo
São Paulo - São Paulo - Brasil
127 textos (88424 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:22)
ângela lugo