CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

O que eu significo para você?

Tinha os olhos tristes. Muitas mágoas eu guardei dentro do meu coração e não tenho conseguido afogá-las como seria certo fazer. Pareço mesmo uma menina cheia de neuroses que se contenta em ser considerada boa companhia de vez em quando e fica imaginando o que será que o OUTRO vai fazer, pensar de mim. Queria entender o que significo para você. Queria significar mais para os outros, para o resto das pessoas. POrque nem todo mundo que diz me conhecer, me conhece. Nem todo mundo que diz não me conhecer, não me conhece. Apenas sei que eu, de mim nada sei, descobri isto com o tal do Sócrates. Mas apenas que sou triste, vim a saber. A tristeza então é nada. Sou humana, consequentemente, incompleta. Precisa de um outro pra ser deveras completa. Quem déra eu poder ter o poder de poder tudo. Quem déra eu querer tudo o que me dão e saber negar tudo o que já me pertence. Fico pensando como ser tão racional sem transferir minhas angústias, sem projetar minha solidão. O medo existe e isto sim, não posso negar. Ah! Agora eu pude alguma coisa! Ironia da ilusão, da vida que se vive. Se a vida está aí para ser vivida, para quê mais que a vida? São poucas as pessoas que aplicam o "conheça a ti mesmo". Eu pergunto e nunca obtenho respostas. As palavras que escuto invariavelmente me deixam mais confusa;se tudo o que tenho mesmo é tempo a perder. Desejo não estar pronta e nem correr contra o tempo. Desejo demais, realizo de menos. Não sei se fui mais amiga, pouco amante, ou, uma a mais. Não sei se posso pensar assim. Mas o que me devora é a falta que há nos outros e que em mim já ficou lá atrás. Talvez falta-me nascer, viver e morrer. Talvez seja excesso em te querer e ser pra você o que você não era para mim. O que eu significo agora pra você? Gostaria de poder saber.
Erika Soares
Enviado por Erika Soares em 16/09/2009
Reeditado em 08/04/2010
Código do texto: T1814303

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Erika Soares
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 35 anos
244 textos (11717 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/14 13:00)