CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

O verdadeiro sentido de amar!

Nunca diga eu te amo se você não for capaz de compreender este alguém que você diz amar. Falar que ama ainda não é viver o amor. É bom que o outro saiba que é amado. Mas acredite: muito mais importante é viver o amor. E o verdadeiro amor consiste em querer a felicidade do outro, mesmo quando a nossa ainda não existe.
Perdemos o verdadeiro sentido do amor. Vivemos num egoísmo de achar sempre desculpas para vermos nossas vontades satisfeitas. Não existe mais o interesse em ajudar o outro, mas em ser sempre ajudado, mesmo que isso implique em fazer alguém infeliz. Talvez seja por isso que muito dizem não saber mais amar. Na verdade nunca amaram. Viveram um sentimento egoísta, passageiro.
Quem ama se dá ao outro sem nada esperar em troca. O amor não é posse: é doação. Dedicar todo o tempo que temos para fazer alguém feliz. Aquele que só enxerga no outro um meio de satisfazer seus desejos, mostra que não ama. Se o amor é doação ele só consegue sobreviver quando no relacionamento existe partilha deste sentimento. Devo me amar, mas amar de verdade também o outro.
Alguém já dizia que quando se planta amor, se colhe amor. Se você amar, o amor que você amou voltará pra você em forma de amor. Onde não há frutos, faltou o amor. Tudo que é apressado é mal feito. É preciso tempo, espera e renuncia para se amar de verdade. E só quem consegue plantar o verdadeiro amor colherá os frutos deste amor-doação.
Se eu amo, eu compreendo. Não critico no outro aquilo que ainda está errado em mim.
Se eu amo, eu aceito o outro como ele é. Não vivo querendo que outro seja igual a mim.
Se eu amo, eu perdôo. Entendo as fraquezas do ser amado e me proponho a compreender seus momentos de queda.
Se eu amo, eu sou verdadeiro. Não preciso fingir ser outra pessoa para agradar o outro.
Se eu amo, eu sou paciente. Os melhores frutos são aqueles que tiveram a oportunidade de amadurecer no tempo certo.
Ame e sua vida terá sentido. Mas faça de tudo para que o seu amor não seja fingido. Se a verdade for a sua companheira, o amor será o seu melhor amigo.
Ludmila FSCJ
Enviado por Ludmila FSCJ em 19/07/2010
Reeditado em 24/07/2010
Código do texto: T2387608

Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Ludmila FSCJ
Conceição de Macabu - Rio de Janeiro - Brasil
70 textos (7964 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/04/14 12:52)