Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"Odeio odiar o jeito como você me faz bem"

Descobri isso esta semana ao te ver. Fiquei sem ação, sem atitude. Coração disparado e nervoso. Palavras não preencheram minha boca para disfarçar o vazio que existiu nos momentos em que te vi. Mas para expressar a verdade, no momento, naquela multidão de gente eu só enxergava você. Para mim, só existia você. Entretanto, não poderia mostrar para você a satisfação que tive ao te ver, pois havíamos feito um trato: Não iremos ficar juntos. Não poderemos nos apegar um ao outro. Certamente eu já quebrei esse trato e é por isso que agora sofro. "Eu e você jamais seremos nós". Você sabe disso, eu sei disso, nós sabemos disso e vamos deixar as coisas ficarem como estão. Primeiro porque você não quer mudar sua vida agora. Segundo porque você sabe que somos extremamente diferentes, apesar de não me importar. E terceiro eu não preenchi a sua vida adequadamente para te conquistar. Ou talvez você nunca quis me demonstrar isso por medo ou insegurança. Já não sei muita coisa. Mas o que sei é que não vou atrás de você. E que hoje ao te ver de novo, a tremendeira já não foi a mesma. Apesar de sentir algo, tentei ser indiferente apesar da dor que senti também. Mas a vida continua mesmo longe de você. Digo mais: Odeio admitir que à primeira vista foi eu e você. Que quando eu te vi me apaixonei. Que quando tudo era ausência eu esperei, quando tive frio senti, quando não tinha nada eu quis. Quando tive coragem liguei, chegou carta, eu abri, quando criei asas voei. Todas as vezes que você me chamou eu fui ao seu encontro , mas quando te encontrei me perdi porque foi à primeira vista. Odeio admitir também que: ”é só pensar em você que meu dia muda, minha alegria dá pra ver porque não consigo esconder a satisfação de te ter por perto. Não dá pra esconder e eu nem quero pensar se é certo querer um beijo seu para eu só pensar em você. Você muda tudo em minha vida. Tenho vontade de viver mais, e tenho paz com o mundo, comigo e consigo”. Mas uma decisão foi tomada , basta agora seguir firme. EU SÓ QUERIA QUE VOCÊ SOUBESSE QUE DÓI SER ALGUÉM QUE NÃO SE QUER SER. EU ODEIO TER QUE ODIAR O JEITO COMO EU GOSTO DE VOCÊ.!!!
Carrie Sandes
Enviado por Carrie Sandes em 06/10/2006
Código do texto: T257685
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Carrie Sandes
Aracaju - Sergipe - Brasil
3 textos (197 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 12:43)