Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Volte velha amiga

Querida e velha amiga,

Hoje ao me olhar no espelho senti muitas saudades de você, saudades daquele rosto lindo, daquele olhar triste e sonhador, dos cabelos macios e rebeldes a lhe cair no rosto.
Senti saudades da menina presa no corpo de mulher, da menina que ainda sonhava com o Príncipe Encantado, da menina que quando ficava triste entrava em seu mundo particular, no fundo de sua mente, e lá ficava ate que as coisas melhorassem, pois em seu pequeno grande mundo tudo era lindo e mágico, lá sempre havia aquele Homem especial e apaixonado.
Que pena velha amiga que não te encontro a tanto tempo, realmente você me faz muita falta, sinto falta  da leveza que via o mundo, da esperança que depositava nas pessoas e do grande amor que tinha e acredito que este você ainda tem, alias tenho certeza, que é o amor por Deus e pela natureza, mas ate este amor não é mais sentido pelas pessoas próximas a ti.
Fico pensando grande amiga, será que você partiu para sempre, será que não vai mais retornar e me contagiar com tudo que eu sempre gostei em ti?
Hoje quanto me olhei no espelho vi uma outra mulher, que não sou eu, pela aparência triste e envelhecida e não é mais você, pois infelizmente querida amiga você me deixou, será que vou ter de me acostumar com esta outra mulher, fria, triste, sem amor, sem emoção, que mal consegue se reconhecer no espelho? Será velha amiga? Ou será amiga velha?
Volte querida amiga, você sempre foi meu ponto de apoio.
Assinada
Eu
RosaBela
Enviado por RosaBela em 19/10/2006
Código do texto: T268518
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
RosaBela
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 57 anos
12 textos (798 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:25)