Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Medo de amar.

Estou confuso de mais, com medo, com um sentimento latejando em meu peito, e quase à chorar.
Logo eu que... que achava-me distante da paixão, e que tinha me afastado do sentimento denomido amor, fui entregar-me assim, e render-me desta forma. Me apaixonei... depois de tanto tempo. E como eu sei?
No ínicio foi algo como... pensar nela o tempo todo, mais tarde sentir uma saudade, depois ter vontade de vê-la a todo instante... Aí é que começou a ficar sério, quando a falta tornou-se absoluta, quando a cada momento junto a ela valesse uma vida, cada vez que à via meu coração disparava, cada vez que falava com ela me sentia extasiado. Nsse momento já era paixoníte, e as coisas só caminhavam para esta paixão, já não podia ouvir músicas lentas que ela me vinha a mente, não podia ouvir seu nome que já começava a suar frio. Depois disso, aí virou "loucura", era necessário vê-la para viver e ouví-la para sorrir. E agora estou completamente dominado, tanto por amor quanto por medo."Aí de mim"!
Apaixonei-me... E agora este medo me atormenta, medo de sofrer, medo de estar enganado, medo de me perder neste sentimento. Medo de amar... Mas ao mesmo tempo que ste medo me atormenta, lembro-me dela... do jeitinho de sorrir, dos cabelos sendo suavemente tocados pelo vento... E por tudo mais.
Sinto-me abobado por ela, como se estivesse dominado. Vejo-me como uma criança que quer comprar um doce, mas tem medo do dinheiro não dar, sem nem ao menos saber o quanto tem em mãos.
E esta paixão avassladora, esta sensação de êxtase profundo que me entorpece.
Meus pensamentos estão confusos, e começo a me portar como um "palhaço", pois me faltam atitudes sensatas.
Como deter este medo que me acanha, se estou apavorado? Amando sei que estou, mas sinto-me desenganado.
Tenho eu cura?... Espero que sim. Pois não posso continuar com este medo, que parece ser meu fim...
MEDO DE AMAR.
poetadosol
Enviado por poetadosol em 28/11/2006
Código do texto: T303460
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
poetadosol
Tatuí - São Paulo - Brasil, 28 anos
84 textos (9430 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:01)
poetadosol