Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Para uma poeta triste

É assim mesmo, poeta - nem todos os dias são flores. O desalento e a tristeza também fazem parte da vida. O melhor de tudo é quando essa onda "down" passa e logo vem a luz, a alegria, o sorriso e a vontade de viver, de se dar, de dividir, de trocar, de derramar versos e palavras em folha de papel em branco. Daí vem logo a vontade de mandar o poema, ainda fresco, para a pessoa que mais amamos e que temos a certeza que ela irá entender todas as rimas não pensadas das entrelinhas. Tudo então vira motivo de festa em derredor e o excitamento é devolvido aos nossos poros.

A vida é bela, já disse isso alguém antes de mim.

Bjs. F.
Fernando Tanajura
Enviado por Fernando Tanajura em 30/09/2005
Reeditado em 30/09/2005
Código do texto: T55201
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Fernando Tanajura). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fernando Tanajura
Estados Unidos
1467 textos (154808 leituras)
1 e-livros (154 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 09:52)
Fernando Tanajura