Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

É preciso não esquecer nada


É preciso não esquecer nada:
Nem a torneira aberta nem o fogo aceso,
Nem o sorriso para as infelizes
Nem a oração de cada instante.
É preciso não esquecer de ver a nova borboleta
Nem o céu de sempre.
O que é preciso é esquecer o nosso rosto,
O nosso nome, o som da nossa voz, o ritmo do nosso pulso.
O que é preciso esquecer é o dia carregado de atos,
A idéia de recompensa e de glória.
O que é preciso é ser como se já não fôssemos,
Vigiados pelos próprios olhos
Severos conosco, pois o resto não nos pertence.


Cecília Meireles
EUZINHAAAA
Enviado por EUZINHAAAA em 27/08/2007
Reeditado em 27/08/2007
Código do texto: T626177

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
EUZINHAAAA
Balneário Camboriú - Santa Catarina - Brasil, 33 anos
14 textos (3236 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 19:35)
EUZINHAAAA