Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aos que me leen

Aos que me leen

Pesso desculpas, pois não escrevo a vocês, mas sim
Para min mesmo.


Na esperança de que ao passar meus sentimentos a
Este papel possa eu diminuir as angustias que a min
Afligem.

Mas com a certeza de que quem os ler, saberá que
Esta diante de palavras sinceras e sem demagogia
Descabidas.

Pois os sentimentos que me sufocam, sufocam a vocês
Também,

Não quero ser poeta, mas sim homen , homen que sente
E chora as perdas e desenganos que esta vida nos traz.

E nem tão pouco tenho sonhos de agradar aos leitores,
Pois este mero ser que sou, sei de minhas limitações e
Luta para poder com poucos erros não ofender nossa
Língua pátria.

Mas com uma certeza em meu coração, a de que com
estas
Calejadas mãos, soube afagar e com carinhos tocar, no
coração.
De quem um dia quis me amar.

E aos que me lerem desculpas pesso, e digo aqueles que
me,
Elogiaram obrigado, e aos que me criticaram agradeço do
meu
Coração, pois com isso tenho certeza que me ajuda a
melhorar.

Aos citados em meus escritos perdão não quero
constrangelos, mas
Ao contrario somente homenagialos.
amaury candido
Enviado por amaury candido em 11/09/2007
Reeditado em 17/10/2007
Código do texto: T647820
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do altor e o link para o site). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
amaury candido
Sinop - Mato Grosso - Brasil, 57 anos
18 textos (1978 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 21:34)
amaury candido