Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carta a minha melhor amiga...

Lembro-me, amiga, quando te conheci de verdade.
E pude ver em teus olhos a saudade...
...de um amor perdido
...do coração partido
...de coragem

Falo a ti como a mim mesmo
Que o reflexo no espelho vejo
(e o espelho não mente, mesmo que agente tende a mentir...)
As rugas, cicatrizes...marcas de um amadurecimento.
De um pleno crescimento,
Que tu a cada dia explora.

Te escrevo sem demora, pedindo que tu não esconda teus sentimentos, mas...
...exponha-os
...experimente-os

Deleite-se na Alegria,
Derrame-se no Amor,
Demonstre-se na Tristeza, e
Descanse na Raiva.

E saiba, que neste momento, olhando para o espelho escrevo a ti, que não passa de mim mesmo...
Luana Vieira
Enviado por Luana Vieira em 04/12/2007
Reeditado em 10/12/2007
Código do texto: T764096

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Luana Vieira
Fortaleza - Ceará - Brasil, 31 anos
13 textos (32115 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 13:27)
Luana Vieira