Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cantadas e Descantadas - Antonio Maria /Zélia Nicolodi, 93

Antonio Maria:
Sim, preciosa é a alma,
acredito, podes crer!
Mas, por que me foge a calma,
se teu rosto fico a ver?

Zélia:
O que pode ter um rosto...
de importância pra você?
Sabe lá que tal desgosto
exista e você não vê?

Antonio Maria:
Pois que haja um desgosto
que ninguém possa notar,
muito sonho nesse rosto
meu beijo depositar!

Zélia:
No meu rosto eu recebo
o beijo do trovador...
Pois nele, eu sei e percebo,
o gesto do sonhador!

Antonio Maria:
No teu rosto, tu recebes
o beijo de um trovador?...
Pobre de mim! Não percebes
nesse beijo, o meu amor...

Zélia:
Amor de trovador é
inconstante como o vento...
Horas é alta a maré,
noutras, vai-se o sentimento!

Antonio Maria:
Sim, trovador, pode ser,
gentleman, não, bela dama:
não olvida o bem-querer,
e quando ama é porque ama!

Zélia:
Sua fama corre mundo...
Antonio, "o conquistador"!
Esses amores profundos,
murcham logo, como a flor...

Antonio Maria:
O que corre é mentira,
maldade do "Zé Povinho";
Queres tirar prova? Tira,
aceitando o meu carinho!

Zélia:
Já dizia minha avó:
- Voz do povo é voz de Deus!
Acho melhor ficar só...
que arriscar nos jogos teus!

Antonio Maria:
Em vão fiz tão belas trovas
para você, doce Zélia...
Mas um dia terás provas
que minha paixão foi séria!

****************************************************
****************************************************

"O poeta cantador
arrisca e joga o laço,
um dia derruba a flor,
imprudente, no seu braço!"
(Helena Morais)

"A trovadora é sagaz,
vai devagar com o andor;
trova elegante e capaz,
foge ao laço cantador!"
( Helena Morais)

"Trovas não sei fazer,
Mas arrisco dizer
que foi muito boa a “cantada”,
melhor ainda a “descantada”.
(Ângela Rodrigues)

"Moça prendada, discreta,
tem o mundo a seus pés.
Joga teu laço, poeta,
mostra a ela quem tu és."
(Helenaluna)

"Seu trovador meu recado
Vem em tom de insensatez
Se amas sofre o legado
Solta os versos duma vez!"
(Ledalge)

" A trova é coisa séria,
Qual será a decisão?
Aplaudo Antonio e Zélia,
Vates do meu coração."
(VestidadeÁgua)

"Zélia, não maltrate o trovador,
que te entrega o coração...
verdadeiro é seu amor,
é pura a sua intenção!rsrss..."
(Cássia Dias)

CARO POETA-LEITOR:
Se trova sabe fazer,
Interaja na questão;
aceitamos, com prazer,
sua trova-opinião!
Antonio Maria/Zélia Nicolodi
Antonio Maria S Cabral
Enviado por Antonio Maria S Cabral em 31/10/2007
Reeditado em 19/04/2009
Código do texto: T717482
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Antonio Maria S Cabral
São Luís - Maranhão - Brasil
1276 textos (156947 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 11:28)
Antonio Maria S Cabral