Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A ultima caçada

Seu Severino caçava ursos; seu alimento e trabalho vinham dessa cruel profissão aprendida com o pai, e encorporada de tal forma por Seu Severino, que lhe renderá em sua região centenas de histórias sobre suas perigosissimas caçadas e façanhas contra os grandiosos animais carnivoros.

Diz-se que Seu Severino caçava todos os finais de semana, e que nunca errava um tiro com a potente espingarda Smith&Wilson que herdou de seu pai.

Ele era uma lenda viva, alegria da criançada e vilão dos ursos.E essa história foi se repetindo por longos 50 anos, sempre com Seu Severino triunfando e os ursos padecendo.

Até que em uma manha de sabado, como fazia todas as outras de sua vida, Seu Severino sai para caçar, e com sua vista já cansada e a idade já pesando acaba pondo em sua velha mochila, seu inofensivo guarda-chuva ao invés da letal espingarda.Foi desarmado a caça e talvez essa manhã a sorte mude para os ursos.

Chegando na floresta, o destino presenteia um enorme urso femea com a chance que todos os outros já mortos não tiveram; ficar frente a frente por um instante com o homem que já matou mais de mil ursos, um assassino de ursos, um caçador, totalmente desarmado.

A fera selvagem representando seus ancestrais não perde tempo e investe em um ataque mortal contra o caçador, que no desespero tira de sua mochila o guarda-chuva e ainda sem preceber o erro que cometeu, tenta em vão, atirar.

Quando vê em sua mão o inofensivo guarda-chuva, treme e sente medo pela primeira vez, mas quando olha o urso percebe que ele já se encontra morto ao chão.

 
(Versão:Original,2006
 *Autor: Zizou        )
Zizou
Enviado por Zizou em 24/10/2006
Reeditado em 24/10/2006
Código do texto: T272617
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zizou
São Paulo - São Paulo - Brasil
22 textos (2089 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 07:56)