Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Da arte de cada um

Um dia, um cego, que ouvia muito bem, conheceu um homem de boa visão, mas teimoso. O cego conhecia muito bem o canto dos pássaros, sabia distinguir o trinado de cada um. Diferenciava-lhes pelo ritmo, pela altura do som, pelo modo e pela harmonia que imprimiam à natureza.

Numa bela tarde, os dois foram ao bosque apreciar os pássaros, que eram muitos naquele dia. O teimoso, com pena do cego, disse:

- Ah! se você pudesse ver a beleza da plumagem desses passarinhos, amigo!

- Ah! meu caro amigo, – retrucou o cego – se você soubesse o que eles estão dizendo!!!
Gildemar Pontes
Enviado por Gildemar Pontes em 17/07/2005
Código do texto: T35162
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gildemar Pontes
Fortaleza - Ceará - Brasil
16 textos (1220 leituras)
1 e-livros (96 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 15:01)
Gildemar Pontes