Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ao Telefone

-Alô?
-Alô!
-Quem é?
-Sou eu, seu namorado!
-Meu namorado não tem esta voz.
-Ok eu sou o cara que você insiste em chamar de ex-namorado.
-O que você quer?
-Quero te ver!
-Você jogou fora as minhas fotos? Esta é a única forma que você tem de me ver!
-Não quero ver fotos, quero ver você, eu vi uma foto sua recente pela internet, está diferente, mais bonita.
-Obrigada, o amor faz isso com as pessoas, comigo não foi diferente.
-Ainda está namorando?
-Estou, estamos muito felizes, hoje sinto o sabor do verdadeiro amor e da felicidade.
-Está dizendo isso só para me magoar?
-Eu nunca quis lhe magoar, se a verdade lhe magoa, ainda assim não vou mentir só para não lhe ferir.
-Ele é melhor do que eu?
-Ele é perfeito!
-Você não pensa em mim? Em nossos momentos?
-Não, até porque não tivemos momentos, você nunca foi carinhoso comigo, e eu ficava procurando traços do homem que eu queria para a minha vida, mas nunca encontrei nenhum em você, mas como boa taurina, fui teimosa!
-Como assim nunca fui carinhoso? Está sendo injusta!
-Pode ser que eu não me lembre direito então, hoje não há mais importância.
-Fui um tolo em te deixar, agora não tenho mais chances de ter você novamente.
-Você me deixou porque não me amava, e eu não lhe culpo por isso, eu nunca lhe amei também, eu estava em um momento de carência e confundi as coisas.
-Eu mentiria se dissesse que estou feliz em ouvir tudo isso.
-Então não me ligue mais, será melhor assim.
-É isso o que você quer? Pode negar o quanto quiser, mas sei que sentirá a minha falta.
-Não senti até hoje, porque sentiria agora?
-É isso o que quer mesmo?
-Para mim é indiferente, mas se lhe magoa conversar comigo, é melhor esquecer meus telefones.
-Você não está com essa bola toda, não estou magoado!
-Não fico lisonjeada ao saber que magoei alguém, a pessoa que você acha que sou não existe, assim como a pessoa que eu achei que você era nunca existiu.
-Ainda gosta de mim, sei disso.
-Fique com sua pretensão, vou desligar o telefone, tenho que atender a outra linha.
-É ele?
-É o meu amor.
-Então vou desligar, e você nunca mais ouvirá a minha voz novamente.
-Então adeus, seja muito feliz!
-Sou melhor do que ele, e quando você acordar será tarde, Adeus!
FATIMA AFONSO
Enviado por FATIMA AFONSO em 22/11/2007
Reeditado em 26/03/2009
Código do texto: T747908

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
FATIMA AFONSO
São Paulo - São Paulo - Brasil, 38 anos
61 textos (36492 leituras)
1 e-livros (277 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 08:49)
FATIMA AFONSO