Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lembranças

No orfanto, as crianças se reuniam à tarde, após o almoço, para brincar no pátio rodeado de árvores e ficavam esperando cair alguma fruta das várias que ali existiam.
Imponente,imensa ,seus galhos pareciam braços de um homem bem forte,que se dedica ao trabalho braçal.Suas folhas bailavam ao som do vento.
E eu, ali sentada, debaixo daquela centenária tamarineira, ficava olhando para cima e esperava que um dos seus frutos caísse.
Quando acontecia, era uma correria e quem conseguisse pegá-los, contava os gomos escondidos dentro de sua casca. Era uma festa!
Eu, solitária com meus pensamentos e fantasias, não corria,esperava que minha fada madrinha fizesse com que eles caíssem bem próximo aos meus pés.
E sonhava e pedia...
E acontecia...
                    minhas lembranças -  dos 8 anos.

                         Maria Eugenia.
camomila
Enviado por camomila em 31/07/2006
Reeditado em 31/07/2006
Código do texto: T205753
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Maria Eugenia Oliveira Chiaretti). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
camomila
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
247 textos (10632 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 00:36)
camomila