Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Indiferença

Estava um dia de sol, mas para a velha senhora pouco importava, hoje seria um dia difícil, o dia de seu aniversário, comletaria então 89 anos.

O dia seria sufocante, pessoas que não se importavam com ela viriam e lhe dariam parabéns, ou ainda, e o mais provável, para "posarem de bons moços " aos olhos dos amigos. Mas a velha senhora sempre soube que isso era
mentira, por isso, estava cansada de fingir felicidade em seus aniversári.

Hoje será diferente pagarão com a mesma moeda o que fazem comigo - pensou a velha vendo-os chegar, o que  a esquecessem de vez, já que isso acontecia a muitos anos, desde a morte de seu marido, mas compreendia, filhos crescem e partem.

Gostaria sim que a visitassem, e não se importava que fossem somente em seu aniversário, mas teriam que vir "por gosto", como sempre dizia em suas conversas com as poucas amigas que possui e que por vontade deles, não as queriam por perto, bastava ele de velha  eles são jovens e preferem a compania de jovens, a velha senhora compreendia.

Ela sempre compreendia e agora daria um basta, antes a solidão sozinha, do que rodeada de pessoas, a dor, angústia que sentia era muito mais intensa quando estava entreeles. Não se importava se a chamassem de louca ou "gagá" como já ouvira ser chamada em diversas ocasiões.
Seria tão simples se não viessem, nõa entendia porque daquilo, não fora o que os havia ensinados, sempre os ensinara a serem sincers, e agora esqueciam até mesmo isso...

E sentada onde estava na cabeceira da mesa, sentiu uma pontada no lado esquerdo, não fez um ruído se quer e em pouco minutos caía morta, sem que ninguém notasse.
 
Giliane Moura
Enviado por Giliane Moura em 04/08/2006
Código do texto: T208697
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autora : Giliane Moura). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Giliane Moura
Santo André - São Paulo - Brasil, 33 anos
18 textos (619 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:31)
Giliane Moura