Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estado Lastimável

O relógio tocou, fazendo-me dar aquele pulo, na cama, pelo susto, do tocador,bati com força, no relógio, descontando toda a minha raiva.
Olhei, na hora, e minha vontade era de dormir mais, mas infelizmente tinha mil coisas para fazer.
Dei um pulo da cama, e fui já pensando na roupa que iria vestir, aparentemente tudo estava bem.
Antes mesmo, de passar pelo banheiro, dei uma olhada no tempo, para ver a “cara dele”,se estava bem ou mal.
Aff...estava mal...nublado...parecendo comigo....mal humorado...zangado...hilário!
Fiz tudo o que deveria ser feito,atividades, obrigações...tudo.
Quando tudo parou,parou também meus pensamentos, a angustia e a depressão, tomou posse de mim...uma tristeza mortal, vontade de deitar e não levantar mais,só de ficar quieta, pego o telefone, e penso em ligar para meus amigos de escola, desisto,penso nas outras pessoas...acabo desistindo, afinal, todos vão acabar falando a mesma coisa e vou acabar me aborrecendo mais ainda...desisto..e desligo...
Escuto alguém me chamar aporta de minha casa, não saio, não quero visitas...mas ao mesmo tempo, que não saio, sinto uma angustia em não ter atendido.Quem será?Será que era importante?Ah..o que importa...depois volta se for importante.
O telefone toca...vejo na bina, para ver quem é...não atendo...Deito, não quero nada.
Meu silencio, se torna mais barulhento do que nunca...começo a brigar comigo, mesma...quero ficar quieta, e não consigo.
Penso em fazer mil coisas para me distrair...mas desisto.
Penso no que realmente quero, mas não posso, não mais...o fato de querer morrer...
Minha pessoa não seria digna de receber tamanho presente,o viver, acaba sendo uma tortura maior.
Nada é mais torturante, do que lutar contra si mesma.
Ainda deitada permaneço, em busca de que alguém entenda, que não é por que quero,mas sim, é um estado, que espero que passe logo.
De repente...
Pekena Rosa
Enviado por Pekena Rosa em 16/10/2006
Reeditado em 16/10/2006
Código do texto: T265988
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Pekena Rosa
Jacareí - São Paulo - Brasil, 42 anos
82 textos (8527 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:36)
Pekena Rosa