Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Martinta Pereira

Era uma vez uma mulher chamada Joana Darck. Ela vivia triste vagando de um canto para o outro até que um dia, passando pelo cemitério, ouviu uma voz muito estranha perguntando:
- Quem quer?
Ela achando que era uma coisa boa disse:
- Eu quero.
Quando falou isso ela começou a crescer e ficou grande do tamanho de um porte e virou Martinta Pereira.
Depois desse dia Joana Darck saia à noite vestida de saia longa e blusa de manga comprida, a procura de alguém para assustar. Às vezes ela virava pássaro para aterrorizar as criancinhas. Fazia isso para se vingar porque quando era menina suas amigas não gostavam dela porque ela era pobre e não tinha brinquedos para brincar.
Assim Martinta ia vivendo tranqüila, até que um dia, um homem chamado Bob passou perto do cemitério.Quando Martinta viu ele com um pacote de fumo, logo atravessou o seu caminho e pediu-o. Bob disse que não dava, mas ela o ameaçou dizendo:
- Se você não me dá o fumo vou transformá-lo num sapo.
Certo dia, Bob Passou de novo próximo ao cemitério e Martinta, assim que o viu perguntou:
- Quem quer?
Ele com medo disse:
- Eu não quero.
Martinta Pereira ficou furiosa e quis pegar o Bob, mas ele malandro velho saiu correndo.
Outro dia, Bob contou essa história há um amigo e este lhe falou de como quebrar o feitiço da Martinta. Como ele desconhecia como fazer isso o amigo teve de lhe explicar tim tim por tim tim...
Depois dessas disso Bob decidiu ir ao cemitério para quebrar o feitiço da Martinta. Quando chegou lá ele fez tudo como o amigo havia lhe dito, foi para o meio do cemitério, tirou o material da bolsa. Primeiro foi a tesoura que ele abriu e enterrou no chão, depois foi a vez de enterrar a chave ao lado dela e por último o terço bem no meio delas duas. Pronto agora era só ficar esperando a Martinta vim e pisar em cima da armadilha para o feitiço se quebrar. Segundo o amigo, era só a Martinta pisar lá que o feitiço se quebraria e ela iria se transformar numa mulher muito bonita.
Quando Bob estava perdido nesses pensamentos a Martinta veio e pisou na armadilha e foi tiro e queda, não deu outra. O feitiço se desfez e ela se transformou numa linda mulher. Quando percebeu a transformação ela foi logo perguntando a ele que se aproximou encantado com tanta beleza:
- Como posso recompensá-lo por ter me libertado?
Bob não pensou duas vezes e disse:
- Casando-se comigo.
E assim eles se casaram e viveram felizes para sempre.


Fada do Mistério
Enviado por Fada do Mistério em 03/09/2006
Código do texto: T231927
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fada do Mistério
Marabá - Pará - Brasil, 22 anos
1 textos (80 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 19:53)