Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Maldição da Martinta Pereira

Elisa era uma mulher alcoólica e fumante que andava sempre bêbada e quando chegava em casa brigava, xingava e batia nos filhos. Eles reclamavam sempre da mãe para a avó materna que chamava a atenção de Elisa por causa daquele comportamento. Mas Elisa não mudava, até que um dia de sexta-feira 13, mais uma vez, a mãe foi chamar a atenção de Elisa. Ela como sempre não gostou e começou a falar um monte de besteira e agredir a própria mãe deixando-a muito machucada.
A mãe, magoada com a atitude de Elisa amaldiçoa, dizendo que tinha fé em Deus que ela ia virar uma Martinta Pereira. Nesta mesma noite, quando Elisa ia passando na frente de uma igreja, ela começou a crescer até que se transformou na Martinta Pereira, uma mulher muito alta, bonita, com olhos castanhos, cabelos longos e pretos que iam até as pernas.
A partir desse dia, o passatempo de Elisa era sai todas às noites para conquistar os homens. Ela aparecia de tamanho normal para eles, enfeitiçava-os com seu corpo, depois os levava por uma estradinha de cimento, rodeada de mato que ia dar dentro de um cemitério grande e cheio de covas. O local era muito assustador porque era tudo escuro. Quando chegava lá, ela colocava os homens em cima de uma cova e depois os matava com uma cruz enfiada no coração.
No outro dia só aparecia a noticia deles mortos, o motivo para esse crime cruel, ninguém sabia explicar. Até que a Martinta estava para morrer e então ela teve que sair a rua perguntando quem quer? Para poder passar a sua maldição para alguém. Uma mulher que ouviu a pergunta disse que queria. Daí ela passou a ser a Martinta e desvendou todo o mistério. Mas isso é assunto para o próximo capítulo.

*****
Antônio Rafael Borges
Enviado por Antônio Rafael Borges em 03/09/2006
Código do texto: T231948
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Antônio Rafael Borges
Marabá - Pará - Brasil, 23 anos
1 textos (98 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 16:35)