Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UMA BREVE HISTÓRIA

Uma breve historia

       Bento sempre foi um homem de pouca sorte, e até no amor ele não era bem sucedido e por essas e outras que sua vida se ressume em um banco de praça.
       _ Oi vô! O que o senhor ta fazendo aqui, sentado sozinho?
       _ Oi meu neto, estou esperando o meu filho que foi ali,  e daqui a pouco ele estará de volta.
       _ ah! Que legal vô, enquanto ele não vem, vou ficar aqui com o senhor, posso?
       _ Claro meu filho, você é e será sempre bem vindo.
       _ Vô, o senhor tem alguns grãos para eu jogar pros pombos também.
       _ Tenho sim! Toma um pouco a outra metade também vou jogar.
       _ É muito bom ficar aqui com o senhor jogando grãos para os pombos, sentindo a sua presença, saber... que o senhor existe.
       _ Obrigado meu filho, também gosto de sua presença, pena que você apareça pouco por aqui, gostaria de ter a sua companhia por mais tempo.
       _ Eu sei vô, só que às vezes é difícil vir aqui, sou proibido, se estou aqui e por que fugi, se descobrirem, ai! Ai!
       _ Tudo bem, eu entendo. Afinal fui eu que quis assim, não foi?
       _ Não vô, com certeza não era pra ser assim. Sabe, a minha Vó gostava muito do senhor, era uma paixãoque ultrapassa todas as barreiras, mas a realidade de vocês foi outra. E eu... Eu sou outra realidade.
       _ Meu filho, a saudade que tenho de sua Vô é muito grande, há tempos que ela me deixou, mas ainda a amo, e cada momento bom que passamos juntos e como se fosse um consolo para o meu sofrimento.
       _ Vô, tenho quer ir embora o meu tempo acabou, certamente voltarei aqui... em breve. Sabe, mesmo que eu não tenha nascido gosto muito de ser o seu... neto.
       _ Senhor Bento! O senhor está conversando sozinho de novo? Todo dia e igual, deixo o senhor aqui um momento para pegar um ventinho e o senhor fica de papo com os pombos. Ainda bem que o medico me preveniu desses seus surtos. Vamos! Vamos para dentro, está na hora de seus remédios.
        Esta e a historia de bento, um homem que aos trintas e poucos anos, tendo um único amor na vida acabou por perdê-lo em um trágico acidente, juntamente com o filho na barriga. Hoje Bento passa o resto de sua vida em um sanatório, onde todos os dias deixam sair para dá comida aos pombos, e assim viver a sua realidade.



“Se tudo parece ser o que é, então, verdade e mentira andam lado a lado.”
EDGE NOGUEIRA
EDGE NOGUEIRA
Enviado por EDGE NOGUEIRA em 18/06/2005
Código do texto: T25629
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
EDGE NOGUEIRA
Brazlândia - Distrito Federal - Brasil, 42 anos
25 textos (2522 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:25)
EDGE NOGUEIRA