Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Borboletinha Colorida

         A borboletinha Colorida
         (Marileide Alves Pinheiro)

             Tudo começou no jardim de Vovó Ceisa. Lá estava uma linda lagartinha que comia folhas e deliciava com a beleza daquele lugar.
Ela ia andando e comendo todo tipo de folha que encontrava pelo caminho. Andava, andava, ficando cansada e sonolenta.
            Logo depois, chegou na casa da Vovó Ceisa e viu um gato dormindo no tapete. Ela ficou bastante assustada, subiu pelo pé da mesa e se escondeu lá, por muito tempo. Aos poucos, enquanto dormia, uma camada de fibra foi cobrindo todo o seu corpo, formando uma casa em volta de si mesma.
           Alguns dias se passaram, Dona Aranha e suas filhinhas resolveram passear por ali, quando viu o casulo da lagartinha. As filhinhas de Dona aranha estavam curiosas e queriam saber o que era aquilo que estava embaixo daquela mesa.
           Dona Aranha não sabia explicar, porque ela nunca tinha visto coisa parecida em lugar algum por onde ela havia passado.
           Continuaram a observar aquele estranho objeto quando dona Baratinha aproximou-se e explicou direitinho o que seria um casulo de lagarta. Todos ficaram sem entender, como aquela lagartinha foi parar ali embaixo daquela mesa.
            De repente, o casulo foi se partindo e foi surgindo uma linda borboleta, toda colorida e maravilhosa. Todos se assustaram com aquela transformação. Uma lagartinha que estava dentro daquele casulo se tornava uma linda borboleta. Que maravilha!
            A borboleta, não sabia ao certo o que ela fazia de baixo daquela mesa. Dona aranha e dona baratinha explicavam que ela deveria ir par o jardim, pois lá seria o seu lugar.
            A borboletinha colorida ficou um pouco assustada, mas resolveu bater as asas e descobriu que sabia voar. Ela ficou muito feliz, se despediu das amigas e foi para o jardim. Ao chegar ao jardim, ela pousou numa linda azaléia branca para descansar.
            Começou a observar a beleza das plantas, das flores, do orvalho, do arco-íris que iluminava ao seu redor. Tudo era muito bonito e colorido.
            A borboleta ficou muito feliz. Sempre que podia voltava à mesa pra visitar as suas amigas.
            E assim, a borboletinha colorida continuou a sua aventura pelo jardim...

                                FIM
leidemarry
Enviado por leidemarry em 10/09/2007
Reeditado em 18/04/2012
Código do texto: T647129

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
leidemarry
Taiobeiras - Minas Gerais - Brasil
21 textos (6148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 07:17)
leidemarry