Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A casa negra

A casa negra no fim da rua me dava medo,meu amigo então in-
ventou uma profecia:
"quem entrar na casa negra verá a foiçe da morte"
 Ninguem teve coragem de entrar pois a profecia era muito assustadora,até a hora em que um rapaz chamado Marley,um que todos tiravam sarro,resolveu entrar por vontade de respeito.
 Uma hora depois e Marley ainda nao tinha voltado da casa então um barulho ocorreu no inferior da casa entramos para resgatar Marley quando chegamos no quarto vimos aquela cena horrorizante e sinistra,vimos Marley morto tomando café com um esqueleto
 Então corremos como nunca até chegarmos em um cemitério, iríamos correr mais,mas um de nossos amigos tropeçou e caiu de cara no chão então nos escondemos atràs das lages das covas ouvimos passos vindo do escuro,tinhamos vontade de nos enfiar dentro das covas mas era imposível
 Os passos foram chegando e nós quase chorando de agunia
quando tive a idéia de pegar o carro mais próximo,fugir e
depois devolver o carro para o dono então foi isto que fizemos, mas a estrada estava escura e por azar nosso o carro atolou pegamos a lanterna que achamos no porta-malas
e um arma entramos na mata escura e desesperadora o mais novo de nós tinha mais medo e desespero então resolvemos deixá-lo com a arma,sabiamos que não íamos chegar em casa tão cedo,logo tinhamos se perdido e aquela cena ainda nos atormentava o mais novo criou coragem e deu um tiro em sua própria cabeça,entao pegamos o corpo e levamos junto conosco,conseguimos sair então enterramos ele na terra e saimos,chegamos em casa jurando nunca mais passar na frente da casa negra sem percebermos um rosto coberto por uma capa preta nos olhava então nunca mais vimos a casa negra,o rosto coberto pela capa e nem o pobre Marley.

 
                                                                                                                                                                                                                           
joni joni chagas
Enviado por joni joni chagas em 21/10/2006
Código do texto: T269902
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
joni joni chagas
Curitiba - Paraná - Brasil, 21 anos
4 textos (428 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:30)
joni joni chagas