Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Assassinato de Rufian Blake - Parte Dois

NA HORA DO CRIME (POR RICHARD COLLEDORP, DETETIVE)

É claro que eu vou embora, Selt! Estou cansado. Consegui provar que Rufian Blake é culpado, mas o maldito pagou a fiança! Ah... que sono. Vou ver se durmo um pouco. Não durmo há dias por culpa do senhor Blake... Tchau, gente! Oh, meu Deus, esse carro está fedendo! Tenho que lavá-lo antes de chegar em Seattle, amanhã. Por que esse rádio não está ligando? Ah, já sei... tem que ajustar aqui... Agora sim!
Que sono... não posso dirigir por muito tempo. Que bom que falta pouco pra... MERDA! FILHO DA MÃE!!! OLHA A VELOCIDADE, BABACA!!! Onde já se viu? Um idiota desses pensando que sabe dirigir. O maldito arranhou meu carro... Vou atrás dele...

Lar, doce lar! Ah, que bom! Boa noite, Deus! Ah, essa cama é uma delícia... ah...
Ah! Esse telefone maldito! São quatro da manhã! Alô, quem é? O quê? Rufian Blake? Morto? Estou indo até aí!
Drume Draan
Enviado por Drume Draan em 03/05/2006
Reeditado em 29/09/2006
Código do texto: T149677
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Drume Draan
Burkina Fasso, 22 anos
62 textos (1708 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:37)