Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Natal de Reflexão.

 
Toda chegada de Natal, tempos sempre uma única preocupação, preocupamo-nos com os presentes, a ceia, as roupas que iremos usar ou não, se iremos viajar ou não e no badalar da 00h00 nos posicionamos no velho ritual de agradecimentos e nas distribuições dos presentes.

Mas esquecemo-nos de algo importante que a força desse momento encantado somente se torna luz verdadeira no iluminar das nossas reflexões.

Esquecemos de natais e passagens de Ano que nos foram gratificantes ou não, queremos esquecer o que foi ou como foi e é talvez por isso, que ficamos sempre na mesma, cometendo os mesmos erros idos.

São as razões incontidas no nosso coração, são nossas emoções novas agora vividas, que nos faz esquecermo-nos de tudo. Refletir o que passamos e o que foi vivido pode não ser importante, mas é...

É importante essa reflexão, porque tudo que ficou foi válido: as nossas dores, sofrimentos e alegrias foram sentimentos de experiências vividas.

Ganhamos novas amizades, perdemos velhas amizades e nem questionamos o porquê perdemos. Temos novos ombros para desabafar nossas mágoas e deixar cair nossos prantos...

Esquecemos quantas vezes o outro ombro nos foi útil um dia. As palavras de carinho e apoio que  foi dirigida nas horas mais doidas para que ficássemos em pé e seguíssemos em frente... 

 Nesse ombro e nesse abraço encontramos um dia a compreensão perfumada em gestos e em palavras que nos trouxe a paz aquecendo o  corpo energeticamente temperando os nossos sonhos.

Esquecemos o que perdemos e porque perdemos. Esquecemos o que foi que conquistamos até agora... Olhar para trás, é reviver erros e acertos vividos.

Lembrar e agradecer a Deus por não estarmos ao relento com nossas famílias mesmo que esse abrigo seja humilde... Que tem uma cama para o corpo cansado repousar, enquanto tantos têm o céu como teto, como cama o banco da praça, como coberta jornais...

Agradecer por poder ter amigos e ter com quem ceiar dignamente por mais simples que seja essa ceia, agradecer por ter um trabalho por mais humilde que seja.

Agradecer por todos os amigos que cativou e por aqueles que te cativaram, por amores e paixões conquistadas, pelos os amores e paixões perdidas porque teve a oportunidade de sonhar mesmo que depois tenha tido lágrimas.

Agradecer por ter com quem compartilhar a alegria desse dia e poder abraçar as pessoas que ama, enquanto tantos não têm quem abraçar. Lembrar que a humildade é uma das grandes virtudes que Deus nos ofertou para exercitarmos todos os dias.

Que esse seu Natal seja um Natal de reflexões e de verdadeira alegria, paz, luz e muito amor.



09/12/2005
S.Bernardelli



 
SBernardelli
Enviado por SBernardelli em 10/12/2005
Reeditado em 21/12/2013
Código do texto: T83466
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
SBernardelli
Caraguatatuba - São Paulo - Brasil
912 textos (289910 leituras)
25 e-livros (11513 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 06:27)
SBernardelli