Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dor de Cabeça

Ah dor de cabeça,
Hoje você atrapalhou meus planos
Estava pretendendo sair com meu amor
Curtir o cais do Marco Zero
Tomar uma sopa ou comer uma carne de sol com macaxeira no Galerias
E você me atrapalhou...
Tudo bem, eu posso ter abusado
Cheirei cola aplicando o carpete no baú da motocicleta
Aspirei pó de fibra de vidro, lixando o interior do baú
Mas, pô, eu tomei uma dose cavalar de dipirona
E tu não queres me deixar

Ah dor de cabeça,
Por tua causa, perdi mais uma oportunidade de ficar junto
De quem eu amo, de quem eu curto de montão

Mas tudo bem, vou ficar te curtindo, essa dorzinha na fronte e na nuca,
até tu ires embora.

E na hora que eu sentir a vontade louca de beijar minha gata grandona
Vou repassar varias cenas do filme de nossa vida
Afinal, recordar é viver, e recordar coisas boas, é uma forma de estar feliz

Ainda bem dor de cabeça, que tu não me atrapalhasse a escrever essas linhas,

E amanha, é outro dia...

 07.01.2005
Rodolfo de Sá Cavalcanti
Enviado por Rodolfo de Sá Cavalcanti em 26/01/2006
Código do texto: T104262
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rodolfo de Sá Cavalcanti
Recife - Pernambuco - Brasil, 64 anos
11 textos (342 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 02:41)
Rodolfo de Sá Cavalcanti