Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Para sempre meu presente.

(Conversa entre Beatriz e si mesma)


É estranho ter um presente e voltar ao que um dia tive no passado;
Passado que me enlouquece, passado que... ah! Deixa-me.
Já passa da meia noite e eu volto a me sufocar com a sua imagem;
O que você faz em meu quarto a essa hora? Veio me tirar o sono?
Pois bem, isso lhe garanto que já está feito.
Estou nua! Não era bom que me visse assim...
(Calma Beatriz, você só está pensando nele.)
Na verdade eu queria que ele me visse assim, NUA.
Vou confessar uma coisa a vocês:
Toda vez que ele me via assim eu o ganhava.
Ganhava seu corpo e tudo que vinha junto...
Tesão? É! Tesão também tinha, e como! Rs...
Seu amor nunca tive.
Beatriz, para quê pensar nele? Ele te chutou.
Chutou? Nem me lembro mais... Mulheres esquecem.
Amanhã tenho trabalho, contas a pagar, e amores a encontrar.
Preciso parar de pensar nele.
TRIMMMMMMMMMMMMMM !!!!
O telefone. Saco.Essa hora.Quem será?
— Oi, sou eu. Desculpe te acordar. E que não conseguia dormir. Pensava em você.
Ah... Ele...
Sempre me ganha. E o passado se torna presente. Com gostinho de quero mais.





Thaís Tavares
Enviado por Thaís Tavares em 18/02/2006
Código do texto: T113518
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Thaís Tavares
Nova Iguaçu - Rio de Janeiro - Brasil, 31 anos
16 textos (1511 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:27)
Thaís Tavares