Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



T R I S T E ZA

Evaldo da Veiga


Às vezes o momento é triste, mas passa.

É preciso brincar, sorrir...

Nada de entristecer... 

Um pouquinho por dentro  até pode,

só um pouquinho,  por fora não,

pra não contagiar...

Basta essa tristeza que se apossou de mim,

certa vez......

Quantas vezes passei os dias em fuga

e a tristeza me pegando em todos os momentos...

Ela já vivia em mim, era constante obsessora.

Busquei estimular a mim mesmo,

mas só conseguia um pouco de alegria

 quando alegrava alguém...

Quando quase conseguia fugir da tristeza,

não conseguia fugir de mim...

Eu, tonto, dando volta em círculos, 

sem vontade de viver.

Assim, era presa fácil da tristeza.

Aprendi que, se não vivermos para fazer alegria,

desse nosso lado frágil à tristeza chega,

e rapidinho se apossa,

 como dona absoluta do nosso ser.

Vá tristeza, vá, XÔOOO...

Já tinha até esquecido que se pode dizer,

TRISTEZA NUNCA MAIS !

Quando fiquei impedido de dizer

 com som límpido e musical,

me arvorava em escrever versos

 para ver sorrisos em alguém ...

Agora é esperar para ver o que 

essa tristeza vai fazer:

se tenta  me tornar mais triste, 

ou se me esquece de vez...

Que eu, mesmo não podendo dizer como queria,

eu consiga de alguma forma dizer.

Dizer de vida, amor e carinho,

dizer pra todo mundo e, em especial,

 DIZER  PRA  VOCÊ!

VEM!!!


evaldodaveiga@yahoo.com.br




 
Evaldo da Veiga
Enviado por Evaldo da Veiga em 25/02/2006
Reeditado em 29/09/2011
Código do texto: T116005

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evaldo da Veiga
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 73 anos
952 textos (313617 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 06:59)
Evaldo da Veiga