Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O café afeminado

Concordo com Luiz Fernando Veríssimo quanto à evolução que as azeitonas sem caroço trouxeram para a humanidade. Mas, não vamos exagerar...

A minha fatídica previsão é a invasão da mania que tomou os americanos já há algum tempo e, como tudo que acontece lá acontece cá com certo atraso, a onda do Café descafeinado logo deve assolar o país. Isso mesmo, café sem cafeína.

Os americanos, com medo do tradicional Café com “C” maiúsculo, aderiram a esta moda. É o que se escuta nos restaurantes: “A decaf coffe, please”, acompanhado de adoçante; e é claro, não pode faltar a deliciosa manteiga desmantegada pra passar no pão despaneificado.

É uma síndrome descabida de hipocondria em massa que assola aquele país. Se não tivessem inventado o raio do café descafeinado, estariam todos bebendo alegremente seus Cafés com “C” maiúsculo; e sem medo de taquicardia ou de não dormir a noite.

Quando trabalhava de garçom em Nova Iorque e acabava o maldito decaf, como eles chamam, eu pegava café normal e acrescentava um pouco de água quente. Nem sentiam a diferença. E aposto que dormiam tranqüilos.

A profecia está lançada. Logo, logo chega aqui à falácia, a burla.... Isso mesmo, pesquisas recentes mostram que o processo químico pelo qual passa o café para tornar-se descafeinado deixa-o muito mais prejudicial à saúde do que o café normal, além dos elementos químicos o teor de colesterol ruim é de 18% a mais.

Se eu fosse mulher suspeitaria da masculinidade de um rapaz que estivesse comigo em um restaurante e na hora do café pedisse: “Um Descafeinado pra mim, por favor”. Qualquer semelhança com a palavra afeminado talvez não seja mera coincidência.

Meu medo maior é que continuem a mudar a sexualidade dos produtos. Que as prateleiras dos supermercados liberem geral assim como a parada gay paulista. Estou vendo, estou até vendo... Ovos sem gema, beterrabas light, salsicha artificial sabor legumes, arroz tutti-fruti, carne de porco modificada geneticamente (apenas 10% de porco!) e por aí vai...

Protestemos, enquanto há tempo:

Abaixo ao café afeminado. Sim, ao café com “C” maiúsculo!



___________________________FIM_____________________________

Zebedias está agora mascando grãos de Café.
Zebedias Limonada
Enviado por Zebedias Limonada em 11/04/2006
Reeditado em 11/04/2006
Código do texto: T137600

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (citar autoria de "Thiago Barros Fontoura") e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zebedias Limonada
Maringá - Paraná - Brasil, 34 anos
19 textos (2315 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:27)
Zebedias Limonada