Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Piracema de palavras


   Corre dentro de mim um rio caudaloso de palavras, que salta como os peixes na [epoca da piracema... barulhentas, apressadas, como crian;as que correm no primeiro dia de aula para pegar o melhor lugar na classe.
    E eu, como todo pequeno escritor, aprisiono-as dentro de meu peito, deliciando-me pela revolu;'ao qune elas causam em mim... gritando, querendo verbalizar aquilo que ainda n'ao est[a pronto. Mas n'ao me irrito com elas, tal como um pai carinhoso entendo sua pressa e procuro acalma-las. As id[eias aparecem-me, imploram-me pela liberdade de express'ao, por[em mantenho-as encurraladas um pouco mais para sentir o prazer de ser o seu libertador.
   Ent'ao, como senhor, senhorio, dou vaz'ao a uma profus'ao de sentimentos que, traduzidos pelas letras que se juntam ao leve toque de meus dedos as teclas  do computador, liberta o que antes era s[o pensamento.
   E esse rio dentro de mim cria ambientes novos, brinca com as situacoes e alaga com grande sabedoria o terreno [arido e outrora morto.
Fernando Davila
Enviado por Fernando Davila em 06/06/2006
Código do texto: T170334
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fernando Davila
Cuiabá - Mato Grosso - Brasil, 48 anos
10 textos (382 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 19:59)