Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"DOR  E  AMOR"
Evaldo da Veiga



Dor também se cura com amor.
Cura mesmo? Claro que sim!

Dor que em nós, que desperta o mal de outrem,
é o que se chama compaixão.
Compaixão, em existindo em interpretação elevada,
é um sentimento lindo
Nada de "peninha" e tentar fazer aquilo que o
outro pode e deve fazer por si mesmo.
E ser compassivo com o ser amado
e uma prática de doação que reabastece o relacionamento.
A compaixão bem exercitada deveria te sido
ensinada desde o Jardim da Infância. Ela inexistindo
 no relacionamento homem /mulher mata ou aleija o amor.
Mas não e um ensaio sobre o tema, a minha pretensão.
Quero falar de uma coisa simples, mas de fundamental 
importância: quem ama cuida.
Ah...... necessário cuidar sim, e com carinho, sempre.
Há quem diga que muito carinho e igual a doce de coco,
é bom mas também enjoa. Enjoa nada, esse "profeta" do mal
gosto não sabe o que é carinho e amor.
Carinho, esse "profeta" deve estar confundindo como 
alisamento, somente rss...
Os toques quando feitos sob os eflúvios da química que rege o amor,
e uma graça de inestimável valor. É combustível essencial.
Mas além dos toques, os carinhos se manifestam
das mais variadas formas e o ideal é que se afinem
ao local e ao momento.
Não vamos ter hora programada para o carinho e nem
prévia determinação de espaço, nada disso.
Mas os termômetros e os radares do corpo e da alma
sabem sintonizar espaço, calor, e momento .
E assim só acontece amor, aquele bem gostosinho,
 eis que impulsionado por carinho que se manifesta no olhar,
 no silêncio e na gentileza..
E também, numa porção de frescurinhas lindas de
 comportamento que pode e deve habitar a vida do casal.
Gozar bem a vida pode começar em gozar bem
um no outro, e viva o amor.


          N - Imagem, Tela do Salvador Dali

www.recantodasletras.com.br/autores/evaldodaveiga

evaldodaveiga@yahoo.com.br



Evaldo da Veiga
Enviado por Evaldo da Veiga em 23/06/2006
Reeditado em 12/06/2011
Código do texto: T180748

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evaldo da Veiga
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 73 anos
952 textos (313611 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:11)
Evaldo da Veiga