Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E Satan disse:

A violência é tanta, que nem reconheço meus próprios filhos.
Mandei que eles matassem, roubassem e assustassem os moradores deste Brasil.
E eles fizeram mais do que pedi
Daqui a pouco os esperançosos irão fazer passeatas a favor da paz
E o Senhor lhes darão pontos para suas entradas no céu.
A política fará qualquer acordo imbecil,a maioria do povo trabalha para mim
Não sabem,não podem confiar em mim...

Mas sei que vocês,filhos meus estarão sempre na ativa
Para que o mal reine soberano
Para que Jesus retorne a Terra para salvar os puros de coração
E eu como rei irei tenta-lo novamente,
Deus deve sofrer por me expulsar do paraíso
E todos sabem que nada faz doer tanto quanto ver um filho sofrendo.
Ainda me pergunto como Ele pode deixa-lo sofrer?
Pobre Jesus, outro que sofreu pelos caprichos de Deus
Porque Ele mesmo não veio fazer o serviço?

A batalha está travada ha tantos anos
Há de haver um fim
Dessa vez eu terei o descanso eterno,
Não gosto de ser o vilão da história,
É um papel que no roteiro não existe amor verdadeiro
E nem vence no final
Deus há de salva-los de minha fúria
Estou encarregado deste trabalho sujo à qual deus me submeteu
Peço desculpas, mas só cumpro ordens e o Sr. que está lá em cima;
É muito mais forte que eu.
Uma vez ele cantou para mim:
“Pra que mentir, fingir que terminou tentar ficar amigos sem rancor”
Foi ele quem não aceitou o acordo de Paz,
Ele sabe que não pode confiar em mim.
Deus sabe de tudo, meus queridos,  só não sabe como acabar comigo
E com o meu ardente e sombrio lar, meu vale de fogo, o inferno.



Loren Blues
Enviado por Loren Blues em 27/06/2006
Código do texto: T183335
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Loren Blues
Gastão Vidigal - São Paulo - Brasil
2 textos (70 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 22:05)