Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Na casa do inimigo é pior

------------------------------------------------------
   
 
   
Cronica de uma derrota
   
 
   
 
   
 
   
 
   
...fiz bem de não aceitar os convites franceses,se bem que rir sozinho na cara deles era uma tentação.E mesmo que perder fosse uma possibilidade,esses malandros com todo sua polidez me fizeram acreditar que éramos imbativeis.
   
 
   
  Hoje não trabalho,faço greve de copa do mundo ! Sou brasileiro ! Não lavo louça,não
compro pão,não escovo nem os dentes...nada importa,so as 9 horas da noite.
   
 
   
  Mas algo extranho estava no ar...ate porque 9 horas no verão europeu não é noite e no Brasil ainda estavam na hora do almoço,e ao contrario de mim,ninguem ainda estaria bebado.
   
 
   
  Assustado e perdido no espaço tempo corri ate a janela a procura de ar,que nesse calor de 35 graus e humidade do ar proximo de zero,não vinha...e como numa visão profetica la estava ela.
   
 
   
  Nesta ultima semana,multiplicaram-se as bandeiras nas sacadas da rue de la Mediterrane,respondendo a 1 mes de audacia da grande bandeira verde e amerela estendida no centro da rua,la estavam todas as outras deste multiracial quartier de Montpellier...touts assemble,touts assemble !  (todos juntos )
   
 
   
  Mas ontem a noite bateu um vento diferente,e a bandeira amanheceu toda enrolada...era o
sinal ?..rapidamente,como uma sentilenela que dormiu no posto,passo os olhos por toda a rua,janelas,portas e carros...ufa ! Ninguem viu .
   
 
   
  Trato de estender a bela bandeira e vestir a camisa amarela,abrir uma cerveja,sim porque no Brasil é assim que agente faz,né ! Vai acendendo a churrasqueira,enrolando o primeiro e sem falar que ate hoje não descobri quem são as pessoas que começam soltando morteiros desde as 6 da manhã em dia de jogo.
   
 
   
  Vou tirar a primeira onda do dia,visitar um amigo frances vestido com a camisa da seleção...faço ate o caminho mais longo até para ver se alguem me provoca,mas a indiferença parece maior essa manhã...derrepente passamos a ser so o Brasil e  c`est pa grave.
   
 
   
  O jogo é as 21 hs mas 16  ja abria a quinta 16 64 e tocava tantam com toda força na praça de la Comedie o coração,fisico/geografico/cultural da cidade...que audacia
desses brasileiros !! Devem ter pensado... Era o que eu queria,pensava eu orgulhoso....foi quando recebi uma mensagem telepatica..   "faça a festa enquanto é tempo....quem ri por ultimo rir melhor..."
   
 
   
  Eu posso jurar que tinha um sultaque castelhano,porem o que era tantam agora era tantam e apito !! E eu ...Brasil ! Brasil ! Brasil !!! Laa Lararara rara ....
   
 
   
  As 18:00 tinha uma roda de samba na casa de um brasileiro,,e o bom carioca as18:30 tava começando a sair...entre tuaregs sem espada,e meninos africanos as provocações aumentavam conforme se aproximava a hora do jogo...
   
 
   
...mais duas cervejas e rapidinho aparece o moderno trem way,o mapa desenhado não é claro porem diz descer em St Eloi,virar a direita,pegar o primeiro ou segundo onibus,o segundo vai pro Zoo que é pertinho,o primeiro pra porta de casa...
   
 
   
   
Chego la sem problemas,é muito bom ver no nome das paradas no leteiro eletronico ! Imaginei se dariam certo no Rio,porem o lugar parece a Suecia...tudo grande,tudo longe...angustia de achar logo uma TV,a cerveja esquentando !!! Celular bolqueado,merda ! esqueci o cod.PIN que pariu...cabine telefonica,...vous ha de 7 minuits para essa chamada...caixa postal...vous ha de 3 minuts para essa chamada...caixa postal...acabaram-se os creditos,15 minutos para o jogo,...n i n g u e m   na rua...ali na porta do tal Zoo,desolado e cansado e um pouco bebado,sento na beira da calçada e tento batucar um samba na tentativa de apelar para a providencia divina,o velho da estrada,o saci perere,uma carona bondosa ou qualquer coisa que se movesse naquele maldito quartier que não fosse os pavões parados no muro do Zologico.
   
 
   
   Pensava que eles eram maiores e que ficavam mais bonitos quando se assustavam...tipo a seleção brasileira...glup
! Era o ultimo sinal.
   
 
   
" brasileiro não desiste nunca ".
   
 
   
   
   
    O jogo ja devia estar no meio do primeiro tempo,ainda tenho uma chance.
   
 
   
   Aliviar o peso da sacola,parece ser um bom começo...e a sexta  garrafa de cerveja 1664 desce pesada da sacola para a barriga...encontro o ponto de onibus...30 minutos e nada acontece...derrepente passa uma bicicleta e desesperado entro na frente para perguntar...excuze moi ? ...Voce esta escutando o jogo no radio?  Non....com um sorriso no rosto ele pergunta: Vous c`est brésilien ? Com um sorriso maior ainda digo que sim...perguntou por um onibus e ele diz que ja acabaram depois das 20:30 !!!
   
 
   
  Estou perdido na França a uma hora e meia esperando um onibus que não vai passar enquanto o Brasil joga contra eles !!! Que castigo !!! Eu não mereço
!!!  O brasileiro não desiste nunca".  A pe,tantam de um lado,pandeiro no outro sem cervejas para carregar parto a pe de volta ao centro,sincronizadamente o trem way passa no ponto e em 5 minutos estarei com meu Brasil !!.
   
 
   
....a cerva finalmente cae bem,tundum tchi tundum dum dum...swing rolando no trem way,olhares tortos e sorrisos timidos,minha estação,vou descer,corto pela direita,viro a jogada,faço um corropio na escada,vem zidane (ou a camisa dele) na marcação, me pede um cigarro ou 50 centimes, faço a pedalada do robinho e diblo pela meia, ja posso escutar o telão e a multidão na praça de la Comedie,...ALLEZ..LE...!!! O coração acelera..500m...vou entrar em campo...400m...frisson...300m...a galera vibra, eu to chegando, ja vejo a luz....100m....GOL DA FRANçA !!!!
   
 
   
  Nessa hora somos todos iguais !!! Argentinos,franceses,alemães...a multidão enloquece,fogos de artificio,gente nos
postes janelas,parecia o Brasil ao contrario...eles eram os melhores agora...
   
 
   
   ...o sofrimento segue,procuro camisas verde e amarelas,batuco um sambinha e me puxam pro centro da torcida canarinho,mas de nada adianta...do jogo que não vi nada,de me sentir sozinho no meio de 10 mil pessoas em extase...correr pra casa rapido parece ser a melhor solução,e como o calvario,me sinto uma especie de cristo portando meu pesado tambor verde e amerelo ,rumo ao monte da crucificação...OLHA TEM UM BRASILEIRO AQUI !!! .....Nos 10 minutos do caminho ate a casa recebi todos os anos de rancor historico por sermos os " melhores do mundo" por tanto tempo e rirmos tanto da cara deles.
   
 
   
   
   
 
   
  Humilhado e ja na porta de casa olho pro alto da janela e a bandeira estava melhor estendida ainda que nos dias de sol ela pareça mais colorida.
 
   
 
   
  ...um sinal ?
Roberto Sapo
Enviado por Roberto Sapo em 03/07/2006
Código do texto: T186672
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Roberto Sapo
França, 40 anos
1 textos (53 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:28)