Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SALDO

O saldo é positivo ou negativo? Depende dos olhos, e também do bom senso, dos que lêem a placa.
Eu caminhava displicente, com meu ar insignificante pela rua da feira. Ia, aborrecido e inquieto, à procura de um livro para de sanar a frustração de pouco antes — comprara um refrigerador DUPLEX, quando deveria comprar um simples, como minha esposa desejava.
    Ainda desligado e impaciente — as mulheres têm mania de desanimar os homens, se eu fosse de beber, já estaria mais do que bêbado numa hora dessas — parei na primeira  banca de livros. Olhei para o cartaz feito de cartolina branca sobre uma pilha de livros velhos e bagunçados. Não acreditei de imediato no que estava escrito. Ele deve ter esquecido um zero, pensei ao reler o anúncio: LIVROS POR R$1,00.
Louco por livros, não hesitei um segundo, lancei-me àqueles volumes amarelados. A reunião literária era das melhores, entre eles estavam Dickens, Márquez, Drummond de Andrade, Caminha, Vinícius, Eça, Namora e os Silvas da vida — quase anônimos em meio as glórias de tantos imortais — ali pilhados, empoeirados e jogados. Todos por um real.
Sem pensar duas vezes, fui enchendo as mãos, o lado do balcão e olhando desconfiado àqueles que despretenciosamente folheavam algum livro próximo a mim. Nessas horas me sentia um marido traído. — Quem eram aquelas pessoas se engraçando com minhas preciosas amantes? Tantas mãos descuidadas amassando meu tesouro. Aquilo tinha de parar. Eu enlouquecia.
Fiz minhas escolhas com muita dificuldade — o dinheiro é curto e não podia me empolgar — paguei ao senhor Livreiro, que, feliz, se livrava de mais um fardo, diminuíra o peso da mala que levaria para casa.
Ao me afastar, comecei a pensar no descaso dos leitores, do tempo e me preocupei. Como eu reagiria se naquela imensa pilha encontrasse um livro meu?
Alberto da Cruz
Enviado por Alberto da Cruz em 21/07/2006
Código do texto: T198732

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite Alberto da Cruz e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alberto da Cruz
Angra dos Reis - Rio de Janeiro - Brasil, 35 anos
201 textos (24156 leituras)
15 áudios (1092 audições)
6 e-livros (1207 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 10:17)
Alberto da Cruz