Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A LONGA ESPERA

Meia noite.
O que fazer com o sorriso
que ensaiei até o último instante,
e que agora se mistura às lágrimas do esquecimento?
O vinil de Carlos Gardel na vitrola,
insiste em dizer-me:
- aguarda um pouco mais e ele virá,
um pouco mais, ele virá!

Parecia-me tão apaixonado, tão suave, leve e
com tão belas intenções.
A noite prometia ser tão nossa,
a lua à pino, tão pálida e
meu batom precisando de retoques.

As flores precisam de mais água,
pois já não sinto mais o seu perfume.
Ah, sei que virá!
e vou disfarçar o pranto,
vou abraçá-lo tanto,
que nem vou perceber novos fragrantes.

(à minha amiga Conceição)

Carlos Medeiros
Enviado por Carlos Medeiros em 06/09/2006
Reeditado em 30/03/2008
Código do texto: T234058

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Caco Passarinho http://www.recantodasletras.com.br/autores/cacopassarinho). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Medeiros
Aracati - Ceará - Brasil, 56 anos
45 textos (5257 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:22)
Carlos Medeiros