Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

HeRóIs De GuErRa

Muitos dos meus heróis morreram...

Alguns na guerra...

Diversos na desilusão...

Mas é certo: quase todos morreram. Restam-me poucos com quem posso desabafar mentalmente, mas minha esperança de vê-los imponentes como nos meus sonhos já não mais existe. Talvez por causa da guerra, talvez por causa da desilusão.

A guerra machuca, fere, traumatiza. Mas é guerra, certo? É de se esperar ter problemas. É de se esperar ter baixas.

Mas a desilusão não avisa quando chega. Do contrário não seria desilusão. Os meus heróis que morreram deste jeito foram ainda mais traumáticos do que se tivessem levantado a espada e se tornados mártires. Eu choraria porque os perdi, mas pela saudade de sua honra e de sua glória, não porque eles se transformaram da noite para o dia em pessoas desconhecidas para mim, com ideais falsos, palavras metirosas, sorrisos frios, olhares hipócritas...

E quem sou eu para exigir dos meus heróis alguma coisa? Eu os peguei emprestados. Eu é quem devo algo a eles. Eles nem sequer sabem que eu existo, são meus ídolos em pensamento, são aqueles que eu um dia sonhei em ser.

Agora sou órfão de heróis.

E eles são órfãos de mim.

E no Lula eu não voto mais...


Danielfaraó

Daniel Gonçalves
Enviado por Daniel Gonçalves em 19/09/2006
Reeditado em 19/09/2006
Código do texto: T244165
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Daniel Gonçalves
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 32 anos
14 textos (822 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 01:37)
Daniel Gonçalves