Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pequena crônica escrita no verso de uma embalagem de chocolate, às 3 da manhã, no quarto de hotel de uma cidade do interior...(a caneta era uma kilômetrica horrível que, ora soltava tinta, ora falhava...)

Quartos de hotel são solitários. Neles, as TV's se tornam a sua melhor companhia. A janela é triste e traz a saudade. Nos convida para olhar através dela, nos atraindo com a promessa de ver algo que gostaríamos de observar:uma praça, a vida lá embaixo...
Mas fuja das janelas. Essa promessa é uma farsa. As janelas te atraem para que possam servir de moldura à sua triste imagem. Como uma pintura aquarelada ou uma foto de Sebastião Salgado. As janelas querem que você seja visto por quem cruza pela rua e o observe só, em sua solidão. Tudo para que pensem que você só tem a TV para lhe confortar. Afinal, quartos de hotel são solitários.
Márcio Brasil
Enviado por Márcio Brasil em 29/09/2006
Código do texto: T252362

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Márcio Brasil
Santiago - Rio Grande do Sul - Brasil
181 textos (37061 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 10:46)
Márcio Brasil