Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Escuta o Teu Mestre 1

                       Escuta o teu Mestre

                 O Mestre procura a perfeição que sabe não existir.
              Ainda assim, sobe os degraus da escadaria da vida, da experiência, da vivência, do pensamento, de forma a aproximar-se cada vez mais da plenitude do saber. Constata que, quantos mais degraus sobe, maior é a sua ignorância, mas maior é o conhecimento que adquire.
                 A descoberta pela alquimia da pedra filosofal, que se supunha solução para todas as dúvidas, está inatingível.
                 A explicação do ser, que se supunha o remédio para todas as situações, não existe.
                 Procura então subir a montanha, sem o intuito de atingir o seu cume, porque sabe que é na encosta que se encontram as dúvidas.
                 A dúvida sobre o que somos, o que nos rodeia e quem nos rodeia, pode trazer a luz da compreensão, para entendermos melhor os outros, e nós próprios. A quantidade de questões que nos vamos continuamente colocando, sem objectivo absoluto de certezas irrefutáveis, alertam-nos para todo o tipo de padecimentos morais, sociais e educacionais.
                 O Mestre só pretende que cada um procure o íntimo do seu ser e possa de uma forma poética, filosófica e social estar cada vez mais de harmonia consigo próprio.
                 Que a busca da razão, pelas dúvidas constantes que entretanto vão surgindo, inquira novas questões. Que estas, traduzam novas buscas por vezes há muito esquecidas, e reflictam raios de luz e pensamento, que avivem memórias, recordem histórias e acumulem glórias de conhecimento.

                                 1.

                Pensamento: “Não existe discípulo superior ao mestre. Todo o discípulo perfeito deverá ser como o mestre”. Lucas, VI: 40

                Um dia o discípulo, virando-se para o Mestre pergunta:
                -“Tenho uma dúvida! Precisava que o Mestre me dissesse a verdade, a razão da existência!” O Mestre fitando-o nos olhos, respondeu:
                -“Tens uma dúvida, existes. O teu Mestre tem muitas dúvidas, existe também. Esta é a verdade.”
                O discípulo afastou-se e compreendeu que o Mestre de cada um de nós, não é aquele que nos diz o caminho a seguir, mas sim o que questiona sabiamente, que nos obriga a pensar, para que escolhamos em consciência o melhor caminho a percorrer, quando confrontados com as estradas bifurcadas da vida.

       Vimarakof
Vimarakof
Enviado por Vimarakof em 11/10/2006
Código do texto: T261651
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vimarakof
Portugal, 57 anos
13 textos (351 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 13:02)