Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Deu branco!

Isso é realmente incrível. Os assuntos e idéias saíram correndo e fugiram da minha cabeça nos últimos tempos. Eu precisava de alguma influência, sei lá, qualquer coisa. Ela veio de um jeito estranho, mas veio... Finalmente um assunto!

Durante a uma tarde qualquer, de um dia qualquer, em uma hora qualquer, eu peguei um livro didático e comecei a dar uma olhada em suas páginas, como quem não quer nada. Não é que eu achei alguns comentários sobre crônicas e tudo o mais? Não perdi tempo, e comecei a ler. Lá estava ele, o tão glorioso, estimulante e óbvio assunto: o branco. Claro, como não pensei nisso? Não tendo nenhuma idéia, posso escrever justamente sobre essa falta de idéias!

E lá vou eu, firme e forte escrever sobre isso. Já deve ter acontecido algo parecido com você (ou até mesmo um conhecido, parente, cônjugue, amante...): você buscando loucamente algo que sabia na ponta da língua, mas de um modo inesperado, mágico e não sei mais o que, o algo some. Quantas vezes você não ficou com uma cara de cachorro deprimido em dia de chuva por ter passado por este constrangimento? É, eu sei.... Várias. Eu também sofro do mal do “branco”. Infelizmente.

As verdadeiras idéias só chegam em horas inconvenientes. Há alguns dias atrás, eu estava deitado em minha gloriosa cama, cansado, com frio, com sono e com fome (tentem imaginar...), depois de um dia daqueles, e uma idéia passou voando por mim. Tinha que anotá-la, mas... Como? Teria que me levantar, correndo o risco de pegar um resfriado ou desmaiar no meio do quarto, para procurar uma caneta e um mísero pedaço de papel. Amanhã eu anoto – pensei, virando para o canto e resmungando comigo mesmo o tão inesperado assunto. Eu acordo no dia seguinte e... Nada de assunto. Eu sabia. É sempre assim. Mas não tem problema, vou continuar vivendo a vida. Com ou sem idéias.
Lucas Peths
Enviado por Lucas Peths em 12/10/2006
Código do texto: T262912
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar o nome do autor, juntamente com o link/local em que a obra foi publicada originalmente). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lucas Peths
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil, 26 anos
35 textos (16318 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:23)
Lucas Peths