Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEVO PEDIR UM FAVOR OU NÃO?

A vida nos põe em situações, às vezes, em que nos sentimos inferiores às pessoas que nos cercam. Isso não é ruim, pois mostra que devemos cultivar a humildade e que ninguém é melhor que ninguém. Mas essa situação se torna um pouco conflitante quando necessitamos pedir um favor a alguém.

Não sei se são as normas da sociedade que dizem que nunca devemos nos humilhar para os outros, ou diz que pedir é feio (comparando muitas vezes com a mendicância). Só sei que quando necessitamos um favor de alguém, sempre pensamos duas vezes.

Pensamos primeiramente em não incomodar o amigo ou parente como se necessitar da outra pessoa fosse uma coisa horrível. Colocamo-nos numa condição constrangedora que verdadeiramente não tem razão de ser. Pedir um favor a alguém devia ser encarado como uma forma de confiança e amizade na outra pessoa.

O que nos faz sentir mal quando dependemos de alguém?

A resposta é simples. A desconfiança vem em primeiro lugar. O olhar para "o que os outros irão pensar de nós" se posiciona de forma implacável, mesmo que seja subconscientemente. Isso se deve a muitas histórias de pessoas de índole duvidosa que necessitaram de um amigo e na hora “H” viraram as costas para quem lhes ajudou. Dessa forma, sempre pensamos em situações ruins em primeiro lugar. Isso cria um bloqueio numa situação que poderia transcorrer de forma muito benéfica. Mesmo os muito amigos têm um certo constrangimento de pedir favor um para o outro. Como se o dever do outro fosse adivinhar e obrigatoriamente conhecer nossas necessidades. A maioria diz: “não peço para não incomodar”. Mas, no fundo, será isso mesmo?

Talvez se as pessoas fossem mais humanitárias e tornassem o ato de doar (seja lá o que for) uma forma de rotina em sua vida, não por obrigação, mas por prazer, nem precisaríamos pedir. Ou então, pediríamos de uma forma completamente natural, aplicando o verdadeiro ensinamento de dar e receber.

Enquanto essa situação não se torna realidade, acho que temos que pedir quando necessitamos de algo ou de alguém, mas com a firme convicção de que necessitarão da gente um dia, mais tarde. O reconhecimento é outra história. Alguns fazem disso sua bandeira; outros, não. Mas pedir um favor se torna mais fácil principalmente para aqueles que têm uma índole pacífica, deixando bem claro que você também poderá ajudar de alguma maneira.

O mundo começou com uma troca. Sendo a Terra uma escola, estamos aqui para aprender. E a Terra e todos os que nos cercam dão os seus ensinamentos a cada dia. Como nós também ensinamos os outros. E aprender a pedir de uma forma natural é a troca de doar de forma natural. Agindo assim o constrangimento acaba, a confiança no outro aumenta, aprendemos a estar numa posição de dependência e aprendemos, sobretudo, a ser humildes.

Pedir um favor ou se alguém pedir um favor a você, pode ser uma verdadeira troca de companheirismo, desde que haja reciprocidade do dar e receber. E a finalização de tudo são aquelas palavrinhas mágicas que sempre nos fazem abrir um sorriso: OBRIGADO POR TUDO!


Alma Collins
Enviado por Alma Collins em 27/11/2006
Código do texto: T302549
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Alma Collins
São Paulo - São Paulo - Brasil, 55 anos
166 textos (36101 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 19:56)
Alma Collins