Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Seu presente...

Seu presente....
                          Vi seu rosto feliz ao completar mais uma primavera. Parecia um menino, mostrando os lindos presentes que ganhou. Uma calça, uma camisa, uma cam, uma agenda eletrônica.
                          Você disse que tinha boas guloseimas na sua festa. Cerveja geladinha, pessoas queridas... Estava feliz, mas cansado com a agitação do dia. Pediu licença e foi se recolher. Alegre... Sei que no seu céu hoje brilham todas as estrelas. Seu espírito é uma festa... E isso me dá prazer. Você feliz, eu também fico.
                          Senti-me encabulada porque não te dei um presente. Todos deram. Você nada me cobrou. Mas quero, faço questão de lhe presentear com algo.
                         Quero te dar asas, para voar.  Para olhar do alto a beleza que poucos vêem. Para chegar ao desconhecido e descobrir coisas que o um homem comum não pode atingir. De cima você descobrirá a beleza na simplicidade das coisas, na abstração, no invisível aos olhos. Aquilo que não é palpável tem seus mistérios, tem sua magia, tem seus encantos.
                       “Vê mais longe a gaivota que voa mais alto”.
                          A vida é muito mais do que o cotidiano. É preciso alçar vôos pra descobrir sua beleza, para vivê-la intensamente, para atingir a ilimitada liberdade. A nossa liberdade está nos sonhos, nos devaneios, na utopia porque o que é  real tem limitações.
                         Quero te dar asas para na altitude encontrar a felicidade que não é comum a quem se prende ao solo, ao material, ao visível. Quero te treinar o suficiente para exibir vôos rasantes, fazer acrobacias, pairar no ar, fazer curvas  e brincar com o vento, com o céu ,com a natureza e com a vida.
                         E quando tiveres cansado de voar... Volta. Aterrissa. E guarda teu par de asas para um próximo vôo. Junta-as aos teus outros presentes. Os homens não entenderão para que queres um par de asas....Responda apenas que ganhastes de presente de um pessoa que  muito te quer bem.
Maria Dilma Ponte de Brito
Enviado por Maria Dilma Ponte de Brito em 30/11/2006
Código do texto: T306219
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Dilma Ponte de Brito
Parnaíba - Piauí - Brasil
305 textos (79288 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 18:04)
Maria Dilma Ponte de Brito