Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cena tarantinesca do alto de um balão...

Ando pelas ruas buscando inspiração para fazer algo que nunca fiz mas que no fundo sempre desejei.
Estou atrás de um momento único e irreversível no plano histórico da minha vida. Penso que uma cena Tarantinesca cairia bem, é claro que somente se o sentimento de culpa me deixasse viver sem lembranças e arrependimentos. Mas pensando bem, mesmo que não existisse esse sentimento para me atormentar, ainda existiria o fato de ninguém poder saber nada sobre o ocorrido e isso elimina com a possibilidade de um ato desses. Qual seria a graça de tal ato se as pessoas não soubessem quem era o autor, com certeza a sensação de liberdade duraria muito pouco. Eu poderia levar alguém a fazer esse ato por mim, seria deveras interessante até um certo ponto. Mas o problema ainda continuaria, não seria eu a sentir o momento crucial de mudança e ruptura com os antigos valores. Por enquanto esse ato fica fora de questão, quem sabe daqui uns 20 anos faça mais sentido e eu já não me preocupe com o sentimento de culpa e nem com o estrelato. Vou fazer algo mais significativo para meu ser: atravessar a Antartida num balão em pleno inverno rigoroso. Só para tirar algumas fotos e ficar um pouco isolado do mundo. Isso sim é algo interessante que traz liberdade e auto-conhecimento. Quem sabe posso viver minha cena tarantinesca com alguma foca branca ou com uma orda de pinguins tomando sol. Bem, depois decido isso. Agora preciso arranjar urgentemente um balão...
Jack Rocha
Enviado por Jack Rocha em 29/07/2005
Reeditado em 29/07/2005
Código do texto: T38683
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jack Rocha
Curitiba - Paraná - Brasil, 39 anos
12 textos (1694 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 22:33)
Jack Rocha