Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem sentido...

Hoje percebi que apesar de ter deixado tanta coisa para trás, de ter mudado, de estar mais velho, ter ficado mais experiente e ter aprendido muita coisa com a vida, não aprendi nada de valor.
Não sei como canta o passarinho, não sei qual é o som do mar ao bater nas pedras, não sei o que é amor, não sei o que é sorrir e nem o que é cantar. Aprendi na vida apenas que cada instante deve ser corrido, lutado, cada minuto é uma vitória, ou seria uma derrota???
Acredito que se pudéssemos parar o relógio e voltar no tempo, talvez eu pudesse ser mais feliz. Pelo menos gosto de pensar assim, gosto de imaginar que correndo na direção contrária ao mundo eu consiga ter paz.
Vendo o amanhã percebi que nada, nada mesmo,me fez mudar, nem mesmo a rotina louca onde nos encontramos, nem a sociedade dominadora que nos obriga as suas leis e nem mesmo meu coração desesperado por algo novo, mas ao mesmo tempo tão igual. Ainda sou a mesma criança que busca no mundo sua felicidade, que busca nos amigos apoio, que busca na família amor, carinho e compreensão e que ainda busca uma explicação para tudo, mesmo sem encontrar explicação para nada.
Acredito que muitos ainda não entenderam o propósito deste texto, na verdade nem eu. Acho que como poeta posso dizer que fui ao inferno e não estava voltando, não escrevia mais, nem queria pensar em questões da vida que outrora habitavam minha mente. Quem me conhece sabe o que aconteceu, sabe quem conseguiu me deixar completamente sem paixão para a poesia e literatura.
Para está pessoa gostaria apenas de deixar bem claro que a escrita é livre e que as regras foram feitas para serem quebradas. A poesia é a leitura da alma, por isso cada uma é única e bela a sua maneira. Cada texto é rico para o que se propõem e cada poeta é um “intelectual”, pois é conhecedor dos seus sentimentos e da sociedade.
Abraço a Todos que me apoiam...
Fábio Heinen
Enviado por Fábio Heinen em 05/10/2005
Reeditado em 27/08/2015
Código do texto: T56851
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Fábio Heinen). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fábio Heinen
Petrópolis - Rio de Janeiro - Brasil, 34 anos
144 textos (35611 leituras)
3 e-livros (484 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 04:43)
Fábio Heinen