Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Flores do Jardim

  Meu grande amor... Você conheceu aquele menino, viu ele romper a cerca do teu jardim, galho em punho feito espada. Leve era teu sorriso enquanto ele decepava tuas rosas na fantasia de bravo guerreiro.

  Do que vale essa beleza fugaz diante da energia da vida quando se impõe, filosofava distraída. Você gostava dele. Teu sonho era vê-lo crescer ao teu lado consumindo tuas flores, tuas cercas e batalhas...

  Vocês dois fazendo juntos castelos de areia naquele domingo glorioso, lembra? Lembra do corpo franzino, da alma em aberto, do sorriso de criança, dos olhos verdes que eram só teus?

  O menino está enterrado na praia; você, desfacelada na terra feito as pétalas do teu sonho efêmero. Eu fiz casa no abismo negro das horas e ali velo por vocês.
Corujão
Enviado por Corujão em 28/08/2007
Código do texto: T627050

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para o site "sinapses.rg9.net"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Corujão
São Paulo - São Paulo - Brasil, 44 anos
15 textos (276 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 19:58)