Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O ESPELHO MÁGICO

José não sabia, mas a sua frente um enorme espelho invisível estava fixado, e fosse onde estivesse o espelho o acompanhava. Em casa, no trabalho, na rua... Em qualquer lugar. Mas este espelho não era qualquer espelho. Era mágico. Invisível ao José, mas aos olhos do mundo, e ao invés de refletir a imagem do homem, refletia suas atitudes.

E foi num dia qualquer, que José, sem saber do espelho, caiu em tentação e por um instante esqueceu a ética que sempre lhe acompanhara. Não deu outra, a sua atitude foi refletida pelo mundo, e muitos fizeram como ele.

Cada vez que furava uma fila, que pensava em si próprio, ou que caí na tentação de errar, José tinha suas atitudes refletidas, e mais e mais gente fazia como ele. Quando percebeu o erro, José via-se num mundo sem caminho. Sentado num pequeno banco, lembrou Drummond. E agora José? O quê fazer? Da resposta José não tinha certeza, e embora não desse certo, José tentaria, e desde aquele dia mudou suas atitudes, para quem sabe, o espelho as refletisse, e o seu mundo voltasse a melhorar.

Enquanto esperava pelos resultados, José não se cansava de perguntar pelas ruas. Que atitude seu espelho está a refletir? Aos olhares confusos José sentenciava: “Lembrem-se, o mundo é o reflexo de nossas atitudes. Não se esqueçam do espelho, ele está aí na sua frente. Você não pode vê-lo, mas lembre-se, ele está aí”.
Douglas Eralldo
Enviado por Douglas Eralldo em 07/09/2007
Código do texto: T642560

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Douglas Eralldo
Pântano Grande - Rio Grande do Sul - Brasil, 36 anos
243 textos (22742 leituras)
2 e-livros (186 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 09:46)
Douglas Eralldo